ALPB se engaja no Fórum União pelo Nordeste

Unir a classe política para pleitear junto ao Governo Federal ações permanentes para a região Nordeste. Este é o objetivo do Fórum União pelo Nordeste, que a partir desta quinta-feira (9) passa a contar com o engajamento da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB).

Os idealizadores da iniciativa, os deputados estaduais pernambucanos Miguel Coelho, Rodrigo Novaes e Claudiano Martins se reuniram na tarde de hoje no salão nobre da Casa de Epitácio Pessoa com o presidente da ALPB, Adriano Galdino, para apresentar as diretrizes do fórum e convidar os parlamentares paraibanos a participar deste projeto. Também estiveram presentes no encontro os deputados Bruno Cunha Lima, Anísio Maia, Raniery Paulino, Tovar e Camila Toscano.

Para o presidente Adriano Galdino, a iniciativa do fórum é legítima. "Precisamos de um movimento para pedir ao Governo Federal respeito pelo Nordeste. Existe uma conta social, econômica e política em torno da nossa região e a união classe política em prol desse assunto é essencial para o êxito deste fórum, que deve caminhar com uma proposta definida para buscar uma política pública com recursos permanentes para o Nordeste", ressaltou.

Já o deputado Bruno Cunha Lima destaca que o principal pleito do movimento neste momento é com relação à questão hídrica. "Água é fonte de vida e sem ela nenhum setor da sociedade cresce. Temos que buscar recursos para revitalizar nossos açudes, que foram construídos pelo Dnocs nos anos 50 e desde então só estão sofrendo com desgaste do tempo. Vamos lutar neste fórum por um fundo permanente para o desenvolvimento da nossa região", disse.

O deputado pernambucano Rodrigo Novaes acredita que o que existe hoje são ações paliativas no combate à estiagem. "O problema do Nordeste passa necessariamente pelo desenvolvimento do semi-árido e nosso movimento quer planejamento e uma política de estado para o desenvolvimento da nossa região e queremos", resumiu.

Já Miguel Coelho afirma que a ideia do movimento é que o Nordeste receba um olhar semelhantes às regiões do sul do país. "Os estados do Nordeste tem interesses em comum e temos de nos unir em torno de uma pauta que vai beneficiar milhões de nordestinos levando mais qualidade de vida a quem aqui reside", assegurou.

Ao final do encontro ficou decidido que a ALPB contará com quatro deputados no fórum, sendo que dois da situação e dois da oposição. A escolha dos parlamentares ocorrerá em plenário.

Reunião com o governador

Os deputados pernambucanos também se reunem nessa quinta para apresentar o movimento ao governador Ricardo Coutinho. O encontro ocorre na Granja Santana.

O Fórum

O Fórum União pelo Nordeste surgiu na Assembleia Legislativa de Pernambuco com o objetivo de debater a seca. A partir disso, os deputados pernambucanos iniciaram contatos com os demais parlamentares do Nordeste para a formatação de propostas para a iniciativa.

Até o momento, o movimento conta com a participação de parlamentares da Bahia, Alagoas e Paraíba. Um evento no mês de julho em Recife deve pontuar o pleito dos parlamentares nordestinos junto ao Governo Federal.