Artesãos paraibanos expõem em Congresso de Procuradores

Objetos feitos em cerâmica, madeira, couro, fios e diversas tipologias feitas por artesãos paraibanos poderão ser adquiridas na 40ª edição do Congresso Nacional de Procuradores dos Estados e do Distrito Federal, importante evento do meio jurídico sediado pela primeira vez em João Pessoa.



Com abertura marcada para esta terça-feira (9), às 19h, no Centro de Convenções Poeta Ronaldo Cunha Lima, o Congresso acontece até a próxima sexta-feira (12), das 8h às 18h30, mesmo período que os visitantes terão a oportunidade de visitar o estande do Programa de Artesanato da Paraíba (PAP) e levar para casa produtos de 25 artesãos de João Pessoa, Cabedelo e Campina Grande.



“Esta é mais uma oportunidade de cumprir com o papel do Programa que é levar o artesão aos meios que oportunizam uma boa divulgação do que temos de melhor. Neste evento devemos receber pessoas de todo o país e elas poderão levar um pedacinho da Paraíba em sua mala”, destacou a gestora do PAP, Lu Maia.



Na ocasião, ainda serão apresentadas teses desenvolvidas por procuradores de Estados de várias regiões do País e avaliados 68 artigos por profissionais da área acerca do tema “A Autonomia, Probidade e Ética na Gestão Pública”.



A 40ª edição do Congresso Nacional dos Procuradores é promovida pela Associação Nacional dos Procuradores dos Estados e do Distrito Federal (Anape), junto com a Associação dos Procuradores do Estado da Paraíba (Aspas-PB). O evento tem o apoio do Conselho Federal e da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Paraíba (OAB-PB), a Procuradoria Geral do Estado da Paraíba (PGE-PB), a Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), a Associação dos Procuradores de João Pessoa (APJP), a Escola Superior de Advocacia Professor Flósculo da Nóbrega (ESA/PB), a Caixa dos Advogados e o Convention Bureau João Pessoa.



Serviço



Outras informações estão disponíveis no site do evento (www.congressoanapeparaiba.com.br), ou nas páginas do Facebook (CongressoAnapeParaiba), Instagram (CongressoAnapePB) e Twitter (@CongressoAnape).