Capitais reforçam planejamento sustentável

Reunidos em João Pessoa (PB), prefeitos de quatro capitais brasileiras escolhidas pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) para integrar a Iniciativa de Cidades Emergentes e Sustentáveis (ICES) assinaram uma carta em defesa de um modelo de gestão pautado pelo planejamento à médio e longo prazos, com projetos e ações estruturantes para o desenvolvimento dos municípios brasileiros. Este foi o primeiro encontro promovido por prefeituras que integram o programa de cooperação internacional.

Os gestores da capital paraibana, Luciano Cartaxo, de Palmas (TO), Carlos Amastha, Florianópolis (SC), Gean Loureiro, e de Vitória (ES), Luciano Rezende, encerraram o encontro com a divulgação de um documento denominado Carta de João Pessoa, “reafirmando uma luta para assegurar celeridade, no Tesouro Nacional e no Senado Federal, aos encaminhamentos que viabilizam o avanço e a consolidação da iniciativa”. Juntos, os planos de trabalho dos municípios somam R$ 1,8 bilhão em investimentos estruturantes.

No documento, os gestores mostram que estão unidos na busca por alternativas e soluções que promovam o desenvolvimento das cidades. “Juntos, na condição de gestores municipais, enxergamos os desafios que nos aproximam, mas, sobretudo, as perspectivas que nos unem. Estamos prontos para colocar nossas cidades – e todas quanto possível – no rumo do crescimento sustentável, nos próximos 30 anos.”