Cássio apresenta propostas para Segurança Pública

Concursos públicos para aumentar a frota, integração das forças de segurança, reforço no policiamento rural e escolar e a retomada das ações preventivas nas divisas do Estado, foram algumas das propostas apresentadas pelo candidato a governador pela coligação A Vontade do Povo, Cássio Cunha Lima (PSDB), no programa eleitoral dessa segunda-feira (1º).

Para Cássio, a redução dos índices de criminalidade na Paraíba só será possível com o enfrentamento direto das deficiências que o setor apresenta no momento. Uma dos mais graves é a redução que a tropa registrou nos últimos anos. Até o início de 2009, a Paraíba tinha 2.136 policiais civis e 10.539 policiais militares. Este ano, são apenas 1.850 policiais civis e 9.134 militares. “Vamos fazer concurso anualmente e convocar os aprovados. Segurança se faz com gente qualificada e treinada”, garantiu.

Outra ação importante defendida por Cássio é a integração das Polícias. O candidato a governador tucano lembra que, à época em que governou a Paraíba, implantou o Gabinete Integrado de Segurança, uma experiência pioneira que serviu de exemplo para outros Estados e que foi desativado pela atual gestão. Cássio quer reativar esse mecanismo e atuar de forma integrada também com municípios e com a sociedade civil.

Para tanto, a gestão pretende atuar em parceria com as prefeituras para implantar câmaras de monitoramento nas ruas das principais cidades e formar uma rede com a segurança privada dos condomínios, que monitoram ruas e algumas praças.

Cássio também vai reativar e modernizar a Operação Manzuá, para fortalecer o policiamento nas divisas do Estado, impedindo a entrada de drogas e que bandidos de Estados vizinhos venham à Paraíba cometer crimes.