Cássio assume presidência do Senado Federal

O senador Cássio Cunha Lima (PSDB-PB), de 53 anos, assumiu, nesta quinta-feira (6), interinamente a Presidência do Senado. O parlamentar ocupa a 1ª Vice-Presidência da Casa Legislativa. Mas até sábado, o tucano comandará o Senado enquanto o presidente da Casa, Eunício Oliveira (PMDB-CE), estiver na Presidência da República.

“Que Deus o abençoe nestes dias”, afirmou Eunício Oliveira ao transmitir a Presidência do Senado para Cássio Cunha Lima, no começo da tarde.

Em seguida, Eunício Oliveira acrescentou, referindo-se ao pai do senador, o ex-governador já morto Ronaldo Cunha Lima, e ao filho dele, o deputado Pedro Cunha Lima (PSDB-PB): “”Tenho convicção de que, neste momento, também com muito orgulho recebe o povo da Paraíba o prestígio de ter um filho ilustre presidindo esta Casa. O senador Cássio tem aqui feito um trabalho extraordinário de decência e seriedade, seguindo a tradição dos Cunha Lima”.

Eunício Oliveira ocupará o Palácio do Planalto no período em que o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), estiver em viagem à Argentina. Também estará fora do país nesses dias o presidente Michel Temer, que participa em Hamburgo, na Alemanha, na G20 – países mais ricos do mundo.

Pelo artigo 80 da Constituição, em caso de impedimento do presidente e do vice-presidente da República, ou vacância dos respectivos cargos, serão sucessivamente chamados ao exercício da Presidência o presidente da Câmara, o do Senado Federal e o do Supremo Tribunal Federal (STF).