Cássio está lista dos “100 Cabeças do Congresso Nacional”

O Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar(DIAP), divulga 22ª edição da Série " Os Cabeças” do Congresso Nacional". A pesquisa revela os 100 parlamentares mais influentes em 2015, e o senador paraibano Cássio Cunha Lima(PSDB) é apontado pelo terceiro ano consecutivo.

Os “Cabeças” do Congresso Nacional são, na definição do DIAP, aqueles parlamentares que conseguem se diferenciar dos demais pelo exercício de todas ou algumas das qualidades e habilidades aqui descritas.

Segundo o coordenador da pesquisa, Antonio Augusto de Queiroz, entre os atributos que caracterizam um protagonista do processo legislativa, a pesquisa destaca a capacidade de conduzir debates, negociações, votações, articulações e formulações, seja pelo saber, senso de oportunidade, eficiência na leitura da realidade, que é dinâmica, e, principalmente, facilidade para conceber ideias, constituir posições, elaborar propostas e projetá-las para o centro do debate, liderando sua repercussão e tomada de decisão. Enfim, é o parlamentar que, isoladamente ou em conjunto com outras forças, é capaz de criar seu papel e o contexto para desempenhá-lo.

TRAJETÓRIA ASCENDENTE - Logo no primeiro ano de exercício no Senado Federal, Cássio Cunha Lima já apareceu na lista dos dois senadores “em ascensão” em 2012, e daí por diante, manteve a trajetória ascendente, e por três anos consecutivos é listado entre os 100 mais influentes, sendo sempre apontado como um dos “Cabeças do Congresso Nacional" , na categoria "debatedor", segundo o ranking elaborado pelo conceituado Diap.

A publicação, cujo objetivo é mapear e fornecer ao movimento social organizado informações seguras sobre os 100 parlamentares mais influentes, faz parte do tripé que constitui a espinha dorsal do trabalho do DIAP qual seja: identificar, desde a eleição, quem são os parlamentares eleitos, de onde vêm, quais são seus redutos eleitorais, quem os financia, para elaboração de um perfil político; saber o que pensam sobre os temas que serão objeto de debate e deliberação durante a legislatura; e, finalmente,  mapear os operadores-chave do processo legislativo, identificando os 100 parlamentares mais influentes do Congresso.

O relatório da pesquisa pode ser acessado através do link - http://www.diap.org.br/images/stories/Cabecas_2015.pdf

DIAP – Foi fundando em 1983 para atuar junto aos Poderes da República, em especial no Congresso Nacional, com vistas à institucionalização e transformação em normas legais das reivindicações predominantes, majoritárias e consensuais do movimento sindical.

A publicação de "Os Cabeças do Congresso", desde sua primeira edição, é referência e leitura obrigatória entre parlamentares, autoridades do Poder Executivo, dirigentes partidários, sindicais e empresariais, estudiosos, formadores de opinião e demais interessados no processo decisório no Poder Legislativo.

CREDIBILIDADE - A metodologia utilizada, os critérios adotados, a ausência de vícios ou preferência na indicação dos nomes, aliados à experiência e seriedade de nossa equipe técnica, são a garantia de tratar-se de um trabalho diligente e criterioso e, portanto, digno de credibilidade.

“Este trabalho de pesquisa já é tradicional no Congresso Nacional, e o fato de estar na 22ª edição é o melhor testemunho de sua seriedade”, destacou Cássio Cunha Lima, que, líder do PSDB no Senado, é o único senador paraibano na edição Diap de 2015.