Com votos dos governistas, ALPB aprova ‘Cidadania Paraibana’ para ministro de Temer

Com os votos da base aliada do governador Ricardo Coutinho (PSB), a Assembleia Legislativa aprovou sem dificuldades o título de Cidadão Paraibano ao ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho. Apenas os deputados Frei Anastácio e Anísio Maia (ambos do PT) se abstiveram da votação. O projeto foi apresentado pelo deputado estadual Renato Gadelha (PSC), que é da oposição.

Antes da votação, Gadelha fez um apelo aos governistas pela aprovação da honraria, lembrando que o próprio Ricardo Coutinho, em visitas que o ministro fez à Paraíba, durante as obras do canal do eixo leste da transposição do São Francisco, fez elogios à postura de Helder Barbalho e tinha reconhecido seu esforço n a antecipação da entrega dessa etapa do canal.

O deputado Frei Anastácio não considerou o apelo e disse que, embora tivesse muito respeito a Gadelha, não poderão votar numa proposta de reconhecimento ao trabalho de um ministro da gestão Michel Temer.

O encaminhamento do líder do 'blocão', deputado Adriano Galdino (PSB), foi pela aprovação da matéria. Ele também reconheceu o trabalho do ministro e parabenizou a iniciativa do deputado Renato Gadelha.