Coral do TCE-PB é aplaudido de pé ao encerrar Festival de Inverno Canto Coral, em Gramado

Com uma apresentação que fez levantar a plateia do teatro Elizabeth Rosenfeld, o coral do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB) encerrou o Festival de Inverno Canto Coral, em Gramado (RS). A qualidade do coral foi reconhecida pelos espectadores que, ao final da performance, o aplaudiu de pé.

Em sua apresentação oficial, o coral do TCE-PB executou as músicas ‘Tocando em frente’, ‘Astronauta’, ‘We are the Champions’ e ´Isso aqui ta bom demais’. No palco, sob a regência do maestro João Alberto Gurgel, o grupo exaltou a cultura paraibana e foi um dos mais elogiados, inclusive por integrantes e maestros de outros corais do país.

Tendo como coordenadora Rogéria Melo de Almeida Viglioni, o coral do TCE-PB foi fundado pelo então conselheiro Marcus Ubiratan Guedes Pereira, em 1998, se tornou uma referência no Nordeste e comemorou os 19 anos de existência com essa participação no Festival de Inverno Canto Coral, no Rio Grande do Sul. Os 25 coristas ainda tiveram apoio de cinco músicos.

O festival de Gramado teve a apresentação de grupos como ´Coral Projeto Alguém Cantando’ (de Salvador-BA, ‘Ensamble Bequadro’ (Rio de Janeiro – RJ), ‘Coral de Vozes Gerais’ (de Belo Horizonte – MG), ´Coral Vozes da Fronteira’ (Novo Hamburgo-RS), e ‘Coral Em’Cantos’ (de Gramado-RS).

Já no primeiro dia do Festival Canto Coral de Gramado, sexta-feira (30), o coral do TCE-PB, juntamente com todos os outros grupos, cantou tema do ‘Gipsy Kings’ e a música do festival de Gramado. No domingo (2) foram quatro músicas executadas pelo coral do TCE-PB, que teve a responsabilidade de encerrar o festival.

O presidente do Tribunal de Contas do Estado, conselheiro André Carlo, parabenizou a atuação do coral do TCE-PB e disse que ela veio coroar o reconhecimento nacional desse trabalho cultural. Ele lembrou que o coral do TCE-PB, em outras oportunidades, já se apresentou com a mesma qualidade em outros estados, sempre enfatizando o nome do Tribunal de Contas, trocando experiências com outros grupos musicais do país e mantendo as tradições da cultura da Paraíba.