CPI da Petrobras e o esforço de Dilma

Para quem não viu na telinha, postei o comentário que fiz na edição do Jornal da Correio, da TV Correio HD, na noite desta terça-feira (10).

Falei do trabalho da CPI da Petrobras, que tem à frente o deputado federal paraibano Hugo Motta (PMDB).

Também abordei a provável visita da presidente Dilma Rousseff à Paraíba.

A visita da presidente à Paraíba tem também uma estratégia política. João Pessoa é a única capital da região Nordeste que tem um prefeito do PT. Luciano Cartaxo é pré-candidato à reeleição. Ela deve presenciar manifestações de apoio, organizadas por petistas durante sua estadia.

A Paraíba é terra natal do presidente da CPI da Petrobras, deputado federal Hugo Motta (PMDB), aliado de Dilma; e do líder da oposição no Senado, Cássio Cunha Lima (PSDB).

Dilma conta com o apoio do governador Ricardo Coutinho (PSB), que é o único que defende dentro do PSB a aproximação com a petista. Ricardo foi reeleito numa disputa com Cássio. O governador acusa o senador de "defender uma agenda golpista" no país.

Da última vez que esteve em João Pessoa foi na campanha eleitoral do ano passado, entre o primeiro e o segundo turno, Dilma Rousseff, candidata à reeleição, estava acompanhada do vice-presidente Michel Temer (PMDB) e recebeu apoio do governador Ricardo Coutinho, que também concorria a um segundo mandato.

[yframe url='https://www.youtube.com/watch?v=Go_lymWc04w']