Deputados apostam sobre criador dos codificados. Quem perder, pode “perdão”, de joelhos

Os deputados estaduais Hervázio Bezerra (PSB) e Tovar Correia Lima (PSDB) fizeram um aposta e quem perder terá que ficar de joelhos e "pedir perdão ao ganhador e ao povo da Paraíba".

Líder do governo, Hervázio diz ter documentos que provam que a figura do 'codificado' foi criado na gestão do ex-governador Cássio Cunha Lima (PSDB). Líder da oposição, Tovar assegura que não foi na gestão de Cássio e que no governo de Ricardo Coutinho (PSB) o número desses servidores que recebem por uma lista, apenas com o CPF, inchou a folha de pagamento.

O prazo para que os deputados apresentem os documentos termina na tarde desta terça-feira. Hervázio admitiu que ainda não dispõe dos documentos, mas assegura que vai conseguir antes do prazo expirar.