Display reúne palestras sobre modelagem 3D no Unipê

A prototipagem ou modelagem 3D tanto física quanto virtual tem sido empregada sobremaneira na realização de projetos em moda, design de interiores e arquitetura. Ideias mais recentes, como a Casa Cápsula, o Food Truck, a a Food Bike, puderam ganhar mais espaço com o desenvolvimento dessa ferramenta junto ao mercado e ser desenvolvidos com criatividade e inovação. Sobre esses e outros assuntos, o Unipê realizará na próxima terça-feira (9) o Display Arte + Design, a partir das 18h30, no Auditório Unipê. A entrada é franca.

A noite de música, artes plásticas, fotografia e, principalmente, Modelagem 3D será realizado pelos cursos de Arquitetura e Urbanismo, Design de Interiores e Design de Moda, com palestras sobre prototipagem. Os convidados serão o designer de interiores Rinaldo Rodopiano, que abordará o tema Tecnologia BIM Aplicada ao Design de Interiores, e Matheus Fonseca, que falará sobre o Fab Lab Recife.

A organizadora do Display, profa. Isis Amaral Melo, salienta que o espaço terá como característica a reunião de vários projetos, em diversos campos, sempre focando na modelagem 3D. “Nós convidamos um food truckpara participar do evento e uma food bike, projetada e construída por um de nossos alunos a partir de uma atividade realizada em sala. Parte do evento será destinado também aos artistas UBTech: alunos que têm aptidão artística e que não têm espaço para expor. Nós juntamos esse grupo e eles exporão fotografia, quadrinhos, cerâmica e projetos de Design, além do lounge da DJ Larissa Maciel. E também teremos os ambientes, uma espécie de uma mini Casa Cor. Cada ambiente será montado por um aluno e as pessoas poderão visitar. Quem vier participará não apenas nas palestras, mas também poderá conhecer esses ambientes, ver os trabalhos e conferir os nossos talentos para o mercado”, enfatizou a docente.

Modelagem 3D

Segundo Isis, a modelagem 3D, enquanto imagem, tem auxiliado na modelagem física a produção de grandes obras arquitetônicas. “São projetos que, de tão complexos, se fossem representados em duas dimensões, não poderiam ser executados. É necessário o universo das três dimensões para se conseguir produzir”, salienta. No design de produtos, é possível detalhar um projeto inteiro, como uma mesa, que vai direto para o fabricante para ser executada.

“É algo que revolucionará o mercado”, explica. “Nós podemos imaginar que chegará uma hora em que será possível modelar sua própria roupa. Pensando no futuro, se, um dia, você tiver uma máquina 3D em casa, você poderá produzir tudo o que você consome: óculos, bolsas, etc. A versatilidade é tamanha que não conseguimos mensurar aonde isso pode chegar”, finaliza a arquiteta.