Em Cuba, Parlatino quer AL discutindo problemas comuns

 

Na reunião da comissão do Parlamento Latino-Americano realizada nos últimos dias 5 e 6, em Cuba, o senador Cássio Cunha Lima (PSDB-PB) votou a favor da resolução final onde foi firmada uma agenda estratégica para que o Parlatino se aprofunde nas questões de desigualdade, saúde, educação, mas contemple também os novos desafios, como segurança, meio ambiente, entre outros temas que também exigem um espírito renovado de cooperação para a América Latina e o Caribe.

Os participantes aprovaram no final do dia de trabalho a Declaração de Havana, na qual os parlamentares acolhem favoravelmente a recente decisão do Governo dos Estados Unidos de retirar Cuba da lista de países patrocinadores do terrorismo, uma decisão que abre oportunidade para o país caribenho conquistar o seu desenvolvimento econômico.

O “segredo”

Dentro da perspectiva de entender de perto as relações econômicas de Brasil e Cuba, o senador Cássio Cunha Lima fez questão de visitar o Porto de Mariel, financiado pelo BNDES. “Os aspectos ‘secretos’ do financiamento precisam ser esclarecidos”, lembrou Cássio.

O senador paraibano constatou que o projeto, além do porto, contempla uma ferrovia, concluída também, e uma zona de processamento especial. De um total de 2 mil metros, já estão em operação 750 metros do pátio de contêiner. “A Paraíba precisa de algo idêntico, mas não encontra financiamento em condições tão vantajosas. Eis a questão” -  ironizou Cássio.

Segundo Cássio, os equipamentos pesados do Porto de Mariel são de origem chinesa e russa. “Fiquei na dúvida se o equipamento também foi adquiro via financiamento do BNDES. Vou esclarecer. Mas o porto foi terceirizado e está sendo gerido por uma empresa de Singapura”, destacou.

A presidente do Parlatino, a senadora mexicana  Blanca Alcalá, reconheceu o diálogo  nas relações entre Cuba e os Estados Unidos, sendo particularmente positivo para a região como um momento em que Cuba está também empenhada em melhorar os seus modelos econômicos e social. Ela enfatizou também, em seu discurso, o apoio de Cuba para os Conselheiros eleitos sobre os compromissos e projetos de consolidação e crescimento do Parlatino de frente para o novo ano.

Na comissão que representou o parlamento brasileiro, além do senador Cássio Cunha Lima, também participaram do encontro os senadores Roberto Rocha (PSB-MA), Hélio José (PSD/-DF) e Flexa Ribeiro (PSDB-PA).