Em nota, prefeitura considera que Berg Lima foi vítima de ‘armação política’

A prefeitura de Bayeux emitiu nota, no início da noite desta terça-feira (5),  e disse que a prisão do prefeito Berg Lima (Podemos) foi o resultado de uma 'armação política'. O prefeito foi preso pela Polícia Civil depois de uma suposta extorsão a um empresário.

Na nota, a prefeitura diz que Berg vai provar na justiça a inocência.

NOTA DE ESCLARECIMENTO

"Nesta quarta-feira (5), o prefeito de Bayeux, Berg Lima, foi vítima de uma armação política que se utilizou de um empresário inescrupuloso para tentar destruir um mandato obtido por meio da maior votação da história do município.

O prefeito confia na Justiça e irá esclarecer os fatos, provando que não praticou qualquer ato ilegal contra o povo e a cidade".