Entrevista de Damares foi segunda, na TV Correio

Vamos recapitular alguma situações aqui. Nesse mundo de rede sociais e jornalismo digital, fica difícil dizer quem deu o "furo"e quem trouxe a informação em primeiro mão. Mas precisamos restabelecer algumas verdades, para que tudo fique nos eu devido lugar. A declaração da ministra dos Direitos Humanos, Dalmares Alves, sobre a situação perigosa de se criar meninas no Brasil foi, em primeira mão, no programa Correio Debate, da TV Correio, na segunda-feira passada. Prova? O vídeo abaixo.

A entrevista foi cedida por Reinaldo Oliveira, um colaborador do Sistema Correio, com exclusividade para o Correio Debate, da Tv Correio. Depois, foi reproduzida em trechos por outros veículos de comunicação da Paraíba e do país.

A declaração da ministra tem que ser avaliada no contexto de sua entrevista. Ela estava falando sobre violência contra a mulher e as formas de combatê-la e puni-la. Damares Alves citou, em dado momento da entrevista, que tinha em mãos uma pesquisa que apontava o Brasil como o pior país para se criar meninas, por conta da violência sofrida por adolescentes e crianças do sexo feminino. Foi infeliz quando deu o conselho: "Eu diria para os pais (das meninas) foge do Brasil".

Na mesma entrevista, a ministra aborda vários temas, como combate ao trabalho escravo, o ensino nas residências e o feminicídio.

Assista aqui a parte da entrevista que ela fala das medidas de combate à violência contra as mulheres e cita essa pesquisa. O programa correio debate foi ao ar na segunda-feira, às 13h50, na TV Correio, afiliada da Record TV, em João Pessoa.