Estação Cabo Branco suspende atividades

Toda a programação de eventos e exposições na Estação Cabo Branco, em João Pessoa, estará suspensa, nesta quinta-feira (11). A decisão foi tomada em decorrência do falecimento do ex-prefeito, Luciano Agra, cujo velório ocorre na Estação das Artes, um dos anexos do complexo. As atividades serão retomadas nesta sexta-feira (12), a partir das 9h.

O ex-prefeito de João Pessoa, Luciano Agra, morreu na noite desta quarta-feira (10). Agra estava internado no Hospital Memorial São Francisco, na Capital, desde o dia 3 de dezembro, após sofrer um acidente vascular cerebral hemorrágico. O velório acontecerá a partir das 10h, na Estação das Artes, e o cortejo sairá às 15h até o Cemitério Parque das Acácias, onde Agra será sepultado.




A informação da morte de Luciano Agra foi confirmada pelo diretor da unidade de saúde, o médico Ítalo Kumamoto. O ex-prefeito morreu as 22h15 em decorrência de complicações do quadro clínico.




O local onde acontecerá o velório, a Estação das Artes, foi construído durante a gestão de Agra na Prefeitura de João Pessoa.




Perfil - José Luciano Agra de Oliveira nasceu em 25 de novembro de 1952, na cidade de Campina Grande. Era formado em Arquitetura pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), e tornou-se mestre em Engenharia Urbana pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB).




Atuou profissionalmente em João Pessoa, onde era radicado, e teve atuação destacada em projetos urbanísticos voltados para a cidade. As contribuições foram dadas enquanto professor universitário, secretário municipal, vice-prefeito da capital e, finalmente, prefeito (cargo exercido entre 31 de março de 2010 e 31 de dezembro de 2012).




Agra começou a sua carreira profissional na década de 1970, na Coordenadoria Geral de Planejamento da Prefeitura Municipal de João Pessoa. Também coordenou a equipe técnica responsável pela revisão do Código de Urbanismo da Capital, em 1979, e gerenciou o Projeto Cura, pela PMJP. Em Campina Grande, ocupou o cargo de diretor técnico da Companhia de Desenvolvimento da Prefeitura Municipal.




Na capital foi gerente de Infraestrutura da Unidade Administrativa do Projeto Especial Cidades de Porte Médio, do Aglomerado Urbano de João Pessoa, na PMJP; assessor especial do Gabinete de Planejamento do Governo do Estado da Paraíba; arquiteto do Projeto Costa do Sol e primeiro secretário executivo da Comissão Estadual de Gerenciamento Costeiro.




Na política, o ex-prefeito é responsável por diversos projetos urbanísticos desenvolvidos nos Estados do Rio Grande do Norte e Paraíba, Luciano Agra coordenou, em 2004, a elaboração do plano de governo do então prefeito Ricardo Coutinho, no primeiro mandato. No ano de 2005, assumiu a Secretaria de Planejamento da Prefeitura Municipal da Capital.




No ano de 2008, Agra se filiou ao PSB, onde foi convidado para ser o vice da chapa de reeleição do prefeito Ricardo Coutinho, tomando posse do cargo em 2009. Em 2010, com Ricardo Coutinho disputando o governo do estado, foi diplomado Prefeito de João Pessoa. Após deixar o mandato, em 2013, Agra filiou-se ao Partido Ecológico Nacional (PEN), e algum tempo depois voltou a assumir a função de professor Departamento de Arquitetura da UFPB.