Estela responde às críticas de Daniela e insinua que deputada falta muito às reuniões da CCJ

Presidente da Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia Legislativa, a deputada estadual Estela Bezerra (PSB), recebeu as críticas da deputada Daniela Ribeiro (PP), que classificou como "samba do crioulo doido" a coordenação dos trabalhos. Estela insinuou que Daniela falta às reuniões da CCJ e, por isso, não recebia tantos projetos para dar parecer.

A deputada do PSB argumentou que, desde que assumiu a presidência da comissão, a CCJ é sempre alvo de alguma crítica. "Mas eu tenho prevalecido sobre essa crítica e fui reconduzida pelo meu equilíbrio, por responder e respeitar o regimento. Devo chamar com antecedência, e é prerrogativa minha, pelo diário oficial da ALPB, e isso eu tenho feito", sustentou.

Estela Bezerra afirmou ainda que conta com deputados "mais assíduos" na CCJ. "Notadamente, distribuo para os deputados Adriano Galdino (PSB), Camila Toscano (PSDB) e Hervázio Bezerra (PSB). Quem observar a frequência e a funcionalidade da CCJ na gestão passada, nós tínhamos ainda o deputado Jandhuy Carneiro (Podemos) que era muito assíduo", alfinetou.

A socialista considerou ainda que o uso do termo "samba do crioulo doido" por Daniel Ribeiro "é preconceituoso e racista. É corriqueiro e usual na nossa sociedade, mas é uma expressão de um preconceito latente".