Godstock começa neste domingo em JP

Idealizado pela Cidade Viva em João Pessoa, o Godstock, a onda de amor que combina ações de arte, cultura, cidadania e evangelismo a serviço da população por meio de milhares de voluntários, chega à sétima edição com foco no engajamento cívico e metas ambiciosas: espalhar esse movimento em todas as unidades da federação do país. Em 2017, além da Paraíba, 63 igrejas e comunidades de nove Estados (AC, CE, BA, DF, MS, PE, RJ, RN e SP) vão participar simultaneamente das ações. A abertura oficial será neste próximo domingo (29) nos cinco cultos da Capela, localizada no Campus Metropolitano da Cidade Viva (BR 101 - Km 8). A programação completa com todas as informações do Godstock 2017 pode ser conferida no portal http://cidadeviva.org/godstock/#top

Desde o ano passado, o Godstock entrou para o Calendário Oficial dos Eventos do Município de João Pessoa (Lei 13.090) e, em julho deste ano, também para o do Estado da Paraíba (Lei 10.941). O projeto da Cidade Viva é realizado anualmente na Paraíba pelas cidades de João Pessoa, Campina Grande, Sapé e do Conde, mas a cada ano o movimento ganha dimensão nacional com a participação de outros Estados no mês de novembro. Neste ano, haverá novamente reformas e revitalização de abrigos, creches escolas; ações de dignificação do ser humano nos presídios e de moradores de rua; uma palavra de consolo e de um ombro amigo aos enlutados no Dia de Finados; valorização da família como plano de Deus e a realização de uma manifestação pública, na orla do Cabo Branco, pela inocência das crianças, enfim, o movimento pretende ser mais um sinal da presença graciosa do Reino de Deus na vida das pessoas.

Segundo o presidente do Sistema Cidade Viva, Sérgio Queiroz, “a melhor novidade deste ano é que o Godstock está deixando de ser um bem praticado somente por milhares de voluntários da Cidade Viva para se transformar em um movimento cada vez mais nacional. Triplicamos o número de Estados participantes este ano e capacitamos dezenas de igrejas do país para replicar o modelo. Contudo, o mais importante do Godstock é a sua própria concepção. Ele não é um evento episódico de um ou dois dias, mas um movimento que faz um coroamento de forma intensiva e ampliada no mês de novembro com ações por meio de milhares de voluntários, que espalham amor e trabalham com restauração nos presídios, abrigos, hospitais, escolas públicas e nos moradores de rua. Estamos cada vez mais convictos que precisamos intensificar e desenvolver uma política de engajamento cívico na cidade em nome do amor de Deus e pelo bem da cidade de forma contínua e o ano inteiro”, avaliou.

Alcançar os 27 Estados - Sérgio Queiroz adiantou que a ideia do movimento Godstock é que se multiplique ainda mais no próximo ano como forma de alcançar com ações de amor todas as 27 unidades da federação. “Estamos para estabelecer um novo trabalho de engajamento, com capacitação e fomento, para promover o trabalho voluntário de forma despretensioso e amoroso pelas cidades. Se conseguirmos envolver novas comunidades e igrejas a cada ano para realizar essas ações concretas e, ao mesmo tempo, contínuas ao longo do ano para dignificação do ser humano com certeza mudanças acontecerão na sociedade, inclusive, de indicadores sociais e econômicos dessas cidades trabalhadas”, apontou.

Destaques do Godstock 2017 – As ações do Godstock Cidade Viva acontecem no período de 29 de outubro e 26 de novembro com a participação de milhares de voluntários em João Pessoa, Campina Grande e de Sapé e dos outros nove Estados do país. Além de reformas e restaurações de prédios de escolas, creches, abrigos e a construção de fábricas em presídios, três megaeventos se destacam este ano no Godstock 2017. O primeiro é o ‘Água da Vida’, que acontece no feriado de Finados nos cemitérios de João Pessoa. Além de distribuir água, os voluntários vão oferecer um ombro amigo e dar uma palavra de conforto aos enlutados. No feriado do dia 15 de novembro, acontece o megaevento anual da celebração do Dia da Família, na Cidade Viva Campus Metropolitano (BR 101 - Km 8) com uma extensa programação voltada para as famílias da Grande João Pessoa. Será montado um parque e disponibilizado uma série de brincadeiras para crianças, além de espaço para piquenique. A novidade deste ano no Dia da Família será a realização da ‘1ª Corrida de Cross Country’, uma das mais tradicionais modalidades do atletismo, na área do Campus Metropolitano.

Manifesto pela Inocência das Crianças  O terceiro megaevento do Godstock acontece no dia 18 de novembro. No período da manhã, acontece a reforma de uma escola da UFPB e o evento Praia Limpa, com ações de limpeza da orla da Grande João Pessoa com bate papo evangelístico nas areias do litoral paraibano. À tarde, a partir das 15h30, na Orla do Cabo Branco, começa a concentração do ‘Manifesto pela Inocência das Crianças’, uma voz da igreja a favor da liberdade de expressão e da arte, liberdade artística, mas exigindo respeito ao Estatuto da Criança e da Adolescência (ECA) com a classificação etária em eventos culturais.

Inspiração do movimento – O movimento Godstock é inspirado no festival de música Woodstock, mas traz uma proposta alternativa ao festival original. Enquanto a juventude americana de 1969 celebrava no Woodstock a busca por um novo estilo de vida no qual a liberdade, a paz e a expressão dos instintos mais naturais da humanidade pudessem ser vivenciadas abertamente, o Godstock, iniciado em 2011 pela Cidade Viva em João Pessoa, propõe o resgate dos valores cristãos, mostrando que a verdadeira liberdade está muito além dos valores individualistas da vida moderna. O movimento espalha uma onda de amor de Deus ao próximo por meio de atividades voltadas para a promoção da paz, da esperança, da renovação e da dignificação do ser humano.

 

7 anexos