Juiz bloqueia R$ 5 milhões das contas do IASS e da PBPrev

O juiz Gutemberg Cardoso Pereira, da 3ª Vara da Fazenda Pública de João Pessoa, determinou, nesta segunda-feira (19), o bloqueio de R$ 5 milhões das contas do Instituto de Assistência à Saúde do Servidor (IASS) e da Paraíba Previdência (PBPrev). Segundo a sentença do magistrado, o bloqueio de R$ 2,5 milhões de cada autarquia será para pagamento de direitos e vantagens retiradas há mais de seis anos dos servidores do antigo Ipep.

O juiz também multa em R$ 300 mil cada gestor. Os servidores do antigo Ipep aguardavam a execução da sentença transitado em julgado desde 2013. O governo do estado deve recorrer da sentença por meio da Procuradoria Geral do Estado.

O advogado Roosevelt Vita foi que defendeu os servidores, na ação impetrada pelo Sindicato dos Servidores do Instituto de Previdência do Estado da Paraíba (Sinsipep).