Morre o deputado estadual Genival Matias

O deputado Genival Matias (Avante), 53 anos, morreu neste domingo (19), após acidente marítimo, na praia de Serrambi, em Pernambuco. As primeiras informações indicam que Matias pilotava um jetski e teve um mal súbito. Ele chegou a ser socorrido para um hospital, mas acabou não resistindo.

O deputado Felipe Leitão, companheiro do Avante, também estava no passeio, junto com seu pai, Mikika Leitão. Foram eles que chegaram a socorrer Genival.

A Assembleia Legislativa confirmou o óbito e emitiu nota de pesar:

"É com profundo pesar que a Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) vem a público comunicar o falecimento do deputado estadual Genival Matias, vice-presidente da Casa Epitácio Pessoa, ocorrido neste domingo (19). De acordo com as primeiras informações, o deputado estava em um passeio de jet ski em Pernambuco e sofreu um mal súbito vindo a óbito.

 

Ainda segundo informações preliminares não se tratou de um acidente como já se especula e também não há outras vítimas.

 

O presidente da Assembleia, deputado Adriano Galdino, disse está extremamente consternado com falecimento prematuro de Genival, um irmão que a vida pública lhe deu. Galdino também prestou solidariedade aos familiares e amigos".

Eleito vice-presidente da Assembleia Legislativa na atual Legislatura, Genival Matias tornou-se deputado estadual em 2010, pelo Partido Trabalhista do Brasil (PTB). Matias foi reeleito em 2014 e estava ao seu terceiro mandato na Casa. Empresário do ramo da mineração e da construção civil, herdou a política de seu pai, o juiz federal Genival Matias, que foi vice-prefeito de Juazeirinho, no Seridó paraibano. Atualmente, era presidente estadual do seu partido, o Avante.

Além de membro da Mesa Diretora, Genival Matias atuava também a Comissão de Direitos das Pessoas com Deficiência.

O deputado estadual Tovar Correio Lima (PSDB) lamentou o falecimento prematuro do vice-presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba, Genival Matias, ocorrido neste domingo (19) em decorrência de um mal súbito. Segundo o parlamentar, Genival deixa o seu legado dentro da política paraibana.

“Com muita tristeza recebi a notícia do falecimento de um amigo, um colega de parlamento. Neste momento de tanta dor, peço a Deus conforto para amigos e familiares de Genival e externo o meu sentimento de pesar por essa partida prematura”, disse Tovar.

A deputada estadual Camila Toscano (PSDB) lamentou o falecimento do colega de Parlamento e vice-presidente da Casa Epitácio Pessoa, Genival Matias. Ele morreu em decorrência de um mal súbito neste domingo (19), no litoral pernambucano.

A parlamentar externou sentimento de pesar pelo falecimento de Genival. “Com muita tristeza recebi a notícia do falecimento do nosso vice-presidente. Que Deus traga conforto para amenizar a dor da família e amigos”, disse.

Genival Matias estava em seu terceiro mandato como deputado e era vice-presidente da Assembleia Legislativa na atual Legislatura. Empresário do ramo da mineração e da construção civil, herdou a política de seu pai, o juiz federal Genival Matias, que foi vice-prefeito de Juazeirinho, no Seridó paraibano. Atualmente, é presidente estadual do seu partido, o Avante.