MP-Procon recomenda retirada de 42 remédios do mercado

O MP-Procon expede, nesta quinta-feira (21), uma recomendação em conjunto com a Vigilância Sanitária Estadual, os Procons Legislativo, de João Pessoa e Cabedelo, a OAB, os Conselhos Regionais de Medicina e Farmácia para suspensão da comercialização de 42 medicamentos devido a irregularidades constatadas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

A recomendação será assinada na sede do MP-Procon, na avenida  Monsenhor Walfredo Leal, 353, no bairro de Tambiá, às 9h.  O objetivo é garantir a segurança dos consumidores ao evitar  a exposição a situações que lhes coloquem em risco à saúde, em decorrência da ingestão de medicamentos fora dos padrões sanitários.