Na TV, Cássio diz que vai reconciliar sociedade e governo

No primeiro programa do guia eleitoral da atual campanha, tanto no rádio como na TV, o senador Cássio Cunha Lima (PSDB), candidato a governador pela Coligação A Vontade do Povo, destacou um dos principais pontos conceituais de sua campanha: a reconciliação do governo com a sociedade.

Cássio ressaltou em sua participação que a Paraíba está cansada de um governo com postura autoritária, que tem piorado todos os índices que competem à gestão e ao desempenho dos serviços públicos, além de fechar a porta do diálogo e criar um clima de tensão permanente com os segmentos da sociedade e as instituições.

No programa do guia da TV, Cássio foi objetivo e enfático ao esclarecer porque rompeu com o governador Ricardo Coutinho, após o terceiro ano de governo. Deixou claro que, em nenhum momento, tentou inviabilizar ou atuar em desfavor do governo e que agora, no período eleitoral, momento legítimo para se avaliar os resultados das gestões, o PSDB lhe oferece como uma alternativa para os paraibanos.

Não assina embaixo - O primeiro guia eleitoral deixa claro que Cássio jamais poderia concordar com uma série de desmandos administrativos, como fechamento de escolas, de delegacias e a perseguição sistemática a servidores com mais de 20 anos de serviço ou forçar funcionários a participarem da campanha política. Esclarece que o candidato tucano não assina embaixo dos escândalos na área de saúde e dos inquietantes resultados na área de segurança pública.

Ao longo do programa, foram destacadas ações importantes como investimentos do Governo Cássio em áreas de saneamento em todo o Estado, através do Programa Boa Nova, conclusão da duplicação da BR- 230, recuperação de estradas, além de ações importantes nos setores de Educação e Saúde.

Foram anunciados os primeiros compromissos do novo governo, como a ligação da  BR 101-230; criação de corredor exclusivo de Cabedelo a Oitizeiro; construção da Ponte de Lucena, além de obras estruturantes em todo o Estado.

Garantindo realizar um governo totalmente novo a partir de 2015, Cássio declarou que, com paz e tranqüilidade, a Paraíba vai crescer como merece.