Novo presidente do PT-PB terá R$ 73 mil de fundo partidário, por mês

Muita gente pode se perguntar sobre o interesse no comando estadual do Partido dos Trabalhadores (PT). O blog também fez a mesma pergunta. Por que a briga para ser presidente estadual do PT-PB? É somente por ideologia? Pode até ser, mas tem um argumento que pesa na hora da insistência: o fundo partidário.

Para quem não sabe, somente de fundo partidário o diretório estadual do PT recebe, mensalmente, algo em torno de R$ 73 mil. Consta nos bastidores que não há obrigatoriedade da prestação de contas dessa pequena quantia nos cofres da legenda.

O PT deve empossar como presidente estadual, no próximo dia 23, Jackson Macedo, em sucessão a Charliton Machado. Jackson ganhou a disputa no congresso estadual, concorrendo c0ntra o deputado estadual Anísio Maia.

O deputado perdeu, mas foi à Justiça contra o resultado. Ele alega que a comissão organizadora das eleições, que tinha Jackson Macedo como integrante, excluiu da lista