PF mira compra de respiradores por consórcio NE

O Tribunal de Contas do Estado entregou informações à Polícia Federal sobre a compra de respiradores e ventiladores pelo Governo do Estado, dentro de um pacote rateado entre os nove estados da região, em negociação feita pelo Consórcio Nordeste com uma empresa de São Paulo. A Hempcare teria prometido a aquisição dos equipamentos, para socorro das vítimas da Covid à China. O TCE encaminhou documentos ao Ministério Público, ao Tribunal de Contas da União e Ministério Público Federal.

Os governadores adiantaram o pagamento de mais de R$ 49 milhões, mas não recebeu nenhum ventilador ou respirador. A Paraíba recebia 30 ventiladores por pouco mais de R$ 4 milhões. E também comprou 75 respiradores, pelo qual pagou pouco mais de R$ 14 milhões.