Rede de ensino de JP é destaque na revista da Unesco

A Rede Municipal de Ensino de João Pessoa foi destaque na Revista do Programa de Escolas Associadas da Unesco no Brasil edição ano 6, número 7. Em três páginas, a publicação retrata que os investimentos feitos pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), por meio da Secretaria de Educação e Cultura (Sedec), refletem na queda dos índices negativos da Idade Série, onde João Pessoa teve a terceira maior queda, ficando atrás de Fortaleza e Aracajú.

A edição também mostra a valorização dada ao educador com reajuste salarial acima da inflação, além de formação continuada para gestores, especialistas, professores da Educação Infantil, Fundamental I e II, profissionais de apoio como vigilantes e auxiliares de serviços gerais.

Mostra ainda que professores de Língua Portuguesa e Matemática das turmas do 1º ao 3º ano, participam da formação do programa Alfabetização na Idade Certa (Pnaic). Buscando melhoria na qualidade do ensino na rede municipal a PMJP realizou concurso público com 1.300 vagas para os cargos de professor da Educação Básica I e II, técnico em educação e agente educacional.

No que diz respeito a evasão escolar, a revista mostra que o prefeito Luciano Cartaxo implantou na capital o Passe Livre para os estudantes da rede, onde dá direito a gratuidade nas passagens de ônibus, entregou 12 ônibus adaptados com plataforma de elevação e espaço reservado para cadeirantes que vai buscar o aluno em casa, leva pra escola e no final da aula deixa de volta em casa com segurança.

Com objetivo de identificar os alunos que tem problema de visão, onde venham a dificultar o processo de aprendizado e interação, foram realizados exames oftalmológicos nos estudantes e entregues cerca de 2.500 óculos de grau com investimentos próprios da PMJP.

No campo de cidadãos globalizados a PMJP investiu na formação de alunos com a instalação do Centro de Línguas Estrangeiras (Celest) que oferece gratuitamente aulas de Inglês, Espanhol e Francês. O Celest também beneficia servidores públicos e profissionais do Trade Turístico (motoristas de van, taxistas, recepcionistas e camareiras de hotel, dentre outros).

O destaque também foi para a Escola Municipal Apolônio Sales na área da Robótica Educacional onde mostra que a unidade de ensino foi campeã em 2013 da Olimpíada Brasileira de Robótica (OBR) na categoria “Robocup Júnior Dance Primary”. Resultado que levou os alunos a representar o Brasil na RoboCup 2014, vindo a ser premiada na categoria Super Team, em parceria com equipes dos Estados Unidos e Áustria.