Ricardo discute parcerias com BNB com recursos do FNE

O governador Ricardo Coutinho se reuniu, nesta segunda-feira (24), na Granja Santana, com representantes do Banco do Nordeste (BNB) para discutir questões relacionadas à ampliação de parcerias por meio do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE). Este Fundo oferece várias linhas de apoio, a exemplo do FNE Sol, que financia projetos ligados ao uso da energia solar e o FNE Infraestrutura, que tem um orçamento de mais de R$ 11 bilhões voltados especificamente para esta área no Nordeste.

Participaram da audiência o superintendente do Banco do Nordeste na Paraíba, Jorge Ivan Falcão, o diretor de negócios do BNB, Antônio Rosendo, o diretor de planejamento, Perpétuo Cajazeiras, o gerente de negócios, Bruno Fortes, o gerente executivo, Silvio Marcos, além da secretária de Finanças, Amanda Rodrigues, e o secretário executivo de Desenvolvimento Econômico, Raoni Mendes.

Na ocasião, o governador Ricardo Coutinho destacou que a Paraíba se encontra em uma boa situação fiscal e está em um momento favorável para investimentos. “Só através de investimentos é possível superar qualquer crise. Nosso Estado está mantendo um bom ritmo de crescimento. O BNB é um grande parceiro da Paraíba e é importante ampliarmos essa relação”, observou.

O acesso aos recursos do FNE com taxas reduzidas representa um potencial dinamizador para a economia regional, já que o Fundo pode beneficiar empresas de todos os segmentos. “O FNE Sol, por exemplo, foi lançando há menos de um ano e já gerou bons resultados e o FNE Infraestrutura traz boas perspectivas. Já aplicamos aqui, este ano, R$ 518 milhões com mais R$ 278 milhões de Crediamigo, que é nossa iniciativa de microcrédito para a área urbana. Fizemos na agricultura familiar o financiamento de mais de R$ 8 milhões para o uso de energia solar, enfim, temos uma atuação muito relevante na Paraíba. Queremos manter o diálogo com o governador para ver como podemos financiar a área de infraestrutura no Estado”, disse o superintendente do BNB na Paraíba, Jorge Ivan.

O FNE financia investimentos de longo prazo e, complementarmente, capital de giro ou custeio. Podem ser financiados agropecuária, indústria e agroindústria, além dos setores de infraestrutura, turismo, comércio, serviços e cultura. Em 2017, o Banco do Nordeste conta com R$ 26,1 bilhões para aplicação em operações de crédito com recursos da fonte.



"Nosso foco hoje foi mostrar um pouco da atuação do nosso banco e a linha de financiamento na área de infraestrutura. O Governo da Paraíba, a partir de agora, poderá trabalhar em parceria com o BNB nessa área, o que representa um avanço, lembrando que cada estado apresenta suas prioridades e demandas. Para o FNE infraestrutura no Nordeste temos um orçamento de mais de R$ 11 bilhões", afirmou o diretor de negócios do BNB, Antônio Rosendo.