Seminário de mediação e arbitragem acontece no Unipê

Na quarta-feira (11) da semana que vem haverá o seminário “Resolução de Conflitos e Pacificação Social: Métodos alternativos à judicialização”, no Auditório do Espaço Centro Universitário de João Pessoa - Unipê.No evento, a arbitragem e a mediação serão temas de três palestras distintas, que serão apresentadas como forma de solução de controvérsias. Na oportunidade, o Centro Universitário de João Pessoa - Unipê lançará o Grupo de Estudos em Arbitragem e Comércio Internacional, voltado para o treino de técnicas de advocacia oral, arbitragem e comércio exterior, que competirá no evento Vis MOOT, em Viena, capital da Áustria.

Um dos convidados para compor o seminário, o professor da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo – PUC-SP, Napoleão Casado Filho, apresentou que o Vis MOOT é uma competição que conta, atualmente, com mais de 300 faculdades de Direito de 90 países distintos e que disputam entre si. Ele ministrará a primeira palestra, às 19h20, intitulada “Arbitragem no Brasil: Desafios e oportunidades”.

“No Norte-Nordeste, o Unipê será pioneiro em enviar uma equipe. Os alunos serão treinados ao longo do ano a apresentar um caso jurídico para um Tribunal Arbitral. O caso sempre envolve um problema ocorrido em uma operação de comércio internacional. Assim, o treinamento, além de capacitar o aluno para meios alternativos de solução de conflitos, como a arbitragem, possibilita o aluno adquirir conhecimentos em comércio internacional”, disse Casado. A segunda competição se chama Competição Brasileira de Arbitragem e envolve o Direito brasileiro em geral, em um caso de arbitragem. Essa segunda ocorre em cidades brasileiras como Belo Horizonte, em Minas Gerais – MG, e Porto Alegre, no Rio Grande do Sul - RS.

De acordo com o coordenador adjunto do curso de Direito, prof. Arthur Souto, o seminário é gratuito e voltado para qualquer estudante matriculado no curso de Direito do Unipê. As inscrições devem ser realizadas na sala D78. “É um tema de grande relevância e atual, pois trata de formas de composição de litígio”, disse.

A segunda palestra, intitulada “Motivação e Objetivos do Conselho Nacional de Justiça na Implementação dos Métodos Autocompositivos no Âmbito Judicial”, será ministrada pelo prof. Bruno César Azevedo, do Unipê, às 20h. Já a terceira e última palestra será realizada às 20h40 pelo juiz e prof. José Farias de Souza Filho, com o tema “Negociação de Conflitos: Origem, sentidos e espaços de aplicação”. Após esse momento, às 21h20, haverá um debate sobre os temas abordados durante a noite.

Vestibular para Direito 

O curso de Direito está com inscrições abertas para o Vestibular Tradicional. Em agosto deste ano, o Ministério da Educação - MEC concedeu à graduação a avaliação máxima ministerial: conceito 5. A organização pedagógica, a infraestrutura acadêmica e o corpo docente foram dimensões analisadas pelo Ministério. O curso também ganhou 4 estrelas no Guia do Estudante (GE) da Editora Abril, contemplado ainda com o selo “Melhores Universidades 2015”. Segundo o Ranking Universitário da Folha de São Paulo - RUF, o curso ficou em primeiro lugar entre os melhores das instituições privadas do estado. As inscrições para o vestibular devem ser realizadas na página vestibular.unipe.br.

Serviço

Seminário Resolução de Conflitos e Pacificação Social: Métodos alternativos à judicialização

Data e horário: 11 de novembro | às 19h

Local: Auditório do Espaço Cultural do Unipê, BR-230, Água Fria, João Pessoa.