Sessão especial homenageia mulheres na ALPB

Uma sessão especial realizada pela Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), nesta quinta-feira (12), reuniu no plenário José Mariz diversas pessoas para celebrar o Dia Internacional das Mulheres, lembrar dos avanços conquistados durante os anos e discutir problemas presentes como a violência contra a mulher. A sessão é de autoria da deputada Daniella Ribeiro (PP).

A sessão foi aberta pelo presidente da ALPB, Adriano Galdino, que parabenizou todas as mulheres. "Para mim é uma honra participar dessa sessão que homenageia o Dia Internacional das Mulheres", disse. Além do presidente da ALPB, também estavam presentes os deputados Tovar Correia Lima (PSDB), Camila Toscano (PSDB), Janduhy Carneiro (PTN), e Branco Mendes (PEN).

A deputada Daniella Ribeiro ressaltou que o Dia Internacional das Mulheres teve origem em um episódio trágico, que apontou os dois principais problemas que afligem a mulher: o preconceito e a violência. "Já tivemos grandes avanços durantes os anos, mas as injustiças ainda continuam. A visão de que as mulheres são incapazes ainda continuam, mas ainda há muito o que lutar", ressaltou.

Já a deputada Camila Toscano falou sobre as responsabilidades da mulher. "Ano após ano nos tornamos provedoras do lar. Não temos medo do trabalho. Mas sofremos com o preconceito e com a violência e parte dessas agressões poderiam ser evitadas com trabalho educativo para incentivar a denúncia e alertar os agressores sobre as penas para quem comete esse crime", alertou.

Na ocasião, oito mulheres de diferentes segmentos da sociedade foram homenageadas pelo trabalho exercido na luta contra o preconceito contra as mulheres. As homenageadas foram a Bispa Ana Lúcia, da igreja Sara Nossa Terra; a nutricionista e conferencista Neide Costa; a diretora do Sistema Correio e presidente da Fundação Solidariedade, Beatriz Ribeiro; a presidente da CDL de Campina Grande, Rosália Lucas; a fundadora da comunidade És Fiel, Mércia Mousinho; a presidente da Campina FM, Marilene Mota; a juíza titular do juizado de violência doméstica, Rita de Cássia Martins; e a sociológa e professora Loreley Garcia.

Além das homenageadas citadas, a sessão especial também homenageou a ex-vereadora Creusa Pires, que em vida fez diversos trabalhos filantrópicos. Seu filho, o advogado Marcos Pires, recebeu a homenagem e discursou parabenizando a sessão e falando sobre a importância das mulheres na sociedade. Uma apresentação teatral ocorreu durante a sessão para lembrar as dificuldades que as mulheres enfrentam quando diagnosticadas com câncer de mama.

A sessão especial desta quinta foi bastante prestigiada e contou com a presença do vice-presidente do Tribunal de Justiça da Paraíba, desembargador Ricardo Porto; da reitora da Universidade Federal da Paraíba, Margareth Diniz; a presidente da Associação dos Procuradores da Paraíba, Sanny Japiassú; do pastor Estevam, da 1ª Igreja Batista; e de representantes de instituições e órgãos do Estado ligados às mulheres.