Solidariedade em movimento no Hospital Padre Zé

O Natal está próximo e a solidariedade é um sinônimo presente neste período para diversas ações sociais voltadas para pessoas carentes. No intuito de levar cuidado, atenção e esperança para muitas famílias, o Centro Universitário de João Pessoa - Unipê doará hoje (21) roupas e acessórios para as famílias atendidas pelo Hospital Padre Zé. A Instituição conseguiu arrecadar itens para contemplar todos os internos e seus familiares atendidos no complexo hospitalar. O hospital, que atende pessoas carentes de toda a Paraíba e de outros estados da região, fica localizado no bairro do Tambiá, em João Pessoa. O Unipê e o Hospital Padre Zé são duas instituições tradicionalmente filantrópicas e parceiras.

Para a reitora do Unipê, profa. Ana Flávia Pereira, a doação é significativa especialmente por beneficiar pessoas carentes, além de ajudar a refletir em atitudes mais solidárias. “As campanhas de doação são um trabalho que o Unipê realiza todos os anos. Eu fico muito feliz com o resultado obtido durante essas campanhas e espero que ajude muitas famílias nesse Natal. Para 2016, já estão previstas uma série de campanhas beneficentes ao longo do ano”, declarou a reitora, que também é filha de Afonso Pereira (sócio fundador do Unipê), consagrado pelo Senado Federal com o título de “Maior Professor do Brasil” por ter fundado, sem recursos públicos, 275 unidades escolares no estado da Paraíba.

O diretor de Gestão Operacional e Marketing do Unipê, prof. Paulo Padilha, analisou, por outro lado, o empenho dos alunos da Instituição nas ações beneficentes. “Nós percebemos, desde as primeiras campanhas que o Unipê realizou, de doação de alimentos a roupas para população carente, que este movimento de doação tem tido uma adesão crescente na comunidade acadêmica. É um movimento cada vez mais abrangente por parte dos alunos, inclusive”, ressaltou.

Responsabilidade social e formação integral

Por meio de projetos de extensão, o Unipê incentiva os alunos a atuarem em benefício da população. Como exemplo, o projeto Movimente-se, Seja Amor!, que conta com 29 estudantes do curso de Direito da Instituição, recentemente fez uma doação de 57 quilos de alimentos para o Natal Branco Lumen, do Grupo Lumen. Os alimentos foram distribuídos em cestas básicas para crianças de comunidades carentes de João Pessoa.

Estudante do sexto período de Direito e coordenadora do projeto, Isabelle Curi considerou que doações proporcionam benefícios a grupos sociais e mudam a visão de vida das pessoas beneficiadas. “Elas possuem a ideia que sempre serão desprezadas, e que o preconceito em relação a elas nunca vai acabar. Mudar isso aos poucos é extremamente gratificante para todos os membros do projeto”, disse. “Para mim é a concretização de um sonho poder unir a minha paixão pelo direito à vontade de ajudar o próximo, de fazer a diferença na vida de alguém, da forma que for. Um sorriso dado a um idoso, um alimento entregue a uma família faminta ou um dia alegre proporcionado a crianças carentes podem parecer pouco para nós, mas com certeza é visto com grandiosidade pelos olhos daqueles que recebem tudo isso.”