Trócolli fará gestões por Defensoria

 

O deputado estadual Trócolli Júnior (Pros), comprometeu-se, nesta segunda-feira (30), durante reunião na sede da Defensoria Pública do Estado da Paraíba (DPPB), a fazer gestões junto às autoridades competentes para que o orçamento da instituição para 2018 seja ampliado em pelo menos R$ 5,5 milhões. Para isso, o parlamentar vai acompanhar a defensora pública-geral da Paraíba, Madalena Abrantes, numa reunião com o secretário de Planejamento, Waldson de Sousa, para que sejam expostas as dificuldades da Defensoria Pública.

 

A Lei Orçamentária Anual para o próximo ano, atualmente em tramitação na Assembleia Legislativa, prevê orçamento de cerca de R$ 75 milhões para a DPPB, o que é insuficiente para a manutenção das atividades essenciais de assistência jurídica gratuita aos hipossuficientes.

 

Segundo Madalena Abrantes, há necessidade real de aumento do orçamento da DPPB para 2018. “A gente precisa de reforço no orçamento para poder cumprir nossa missão institucional. Com os valores atuais, está sendo difícil desenvolver nossas atribuições”, ressaltou a defensora pública-geral.

 

Durante a reunião, o parlamentar do Pros afirmou que tem um compromisso antigo com a Defensoria Pública. “Primeiro, nós temos a dimensão da importância da Defensoria para os jurisdicionados da Paraíba. Nós sabemos que, praticamente, 90% de todos os processos hoje que correm na Justiça paraibana passam pela Defensoria Pública e temos interesse, sim, de apoiar, de dialogar, de reivindicar para a Defensoria Pública”, explicou.

 

Tróccoli ainda destacou que tem um defensor público dentro de casa, o próprio pai, que foi defensor público por 30 anos. “Eu tenho todo o interesse, dentro dos meus limites e das minhas condições, de esgotar, até a última gota, o diálogo para que a Defensoria Pública tenha um orçamento mais digno para que possa atender, principalmente, aos pobres que precisam de justiça na Paraíba”, afirmou.

 

O parlamentar ressaltou, ainda, que sempre atuou em benefício da Defensoria Pública, fazendo gestões junto a diversas autoridades, como o governador do Estado, Ricardo Coutinho, o secretário de Planejamento, Waldson de Sousa, e o procurador-geral do Estado, Gilberto Carneiro. “E continuarei fazendo. O importante é o diálogo e a paciência e nós vamos vencer”, afirmou Trócolli.