TRT retira site do ar para evitar ataque cibernético

Por motivo de segurança, a direção do Tribunal Regional do Trabalho da Paraíba decidiu retirar do ar o acesso à internet. A Secretaria de Tecnologia da Informação e Comunicação (Setic) do TRT13 alertou que está havendo, nesta sexta-feira, um mega-ataque cibernético em vários países, afetando diversas instituições públicas e privadas indiscriminadamente, fato que está sendo objeto de ampla divulgação na mídia.

Segundo Rodrigo Cartaxo, diretor da Setic, não foi detectada tentativa de ataque ao TRT. "Estamos nos antecipando e retirando o sistema do ar preventivamente". Com a retirada do site do ar, o PJe (Processo Judicial Eletrônico) está inacessível, além de outros serviços que exijam acesso à internet.