Veneziano aceita ser pré-candidato das oposições em CG

O deputado federal Veneziano Vital do Rêgo (PMDB-PB) anunciou nesta terça-feira (29) que já tomou a decisão e que aceita ser o candidato das oposições à Prefeitura de Campina Grande nas eleições do ano que vem. Ele disse que tem ficado sensibilizado com as diversas manifestações de apoio ao seu nome para disputar o cargo.

Veneziano disse que resolveu tomar a decisão depois dos gestos públicos em apoio a uma candidatura sua, exemplificando nas manifestações que viu nesta segunda-feira (29), durante solenidade de transferência de domicílio eleitoral do presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba, Adriano Galdino (PSB), de Pocinhos para Campina.

Na oportunidade, todos os líderes partidários que discursaram ou concederam entrevistas à imprensa foram unânimes em afirmar que Veneziano é o nome que reúne as melhores condições para disputar a Prefeitura de Campina Grande, pelas oposições, unindo os partidos e lideranças em favor de um projeto de mudança e de transformação.

“Fiquei muito sensibilizado. Eu já sentia o desejo de todos de que eu pudesse colocar meu nome à disposição para disputar a Prefeitura de Campina Grande novamente, em nome dos desejos da cidade e dos anseios dos líderes dos partidos. Mas ontem essa manifestação foi mais forte e o sentimento de união defendido pelo Governador Ricardo Coutinho e por todos os que tiveram a oportunidade de falar me fez aceitar esse desejo de todos e colocar, de maneira oficial, o meu nome à disputa”, afirmou Veneziano.

Ele lembrou que tem recebido acenos dos mais diversos, em apoio ao seu nome, e citou as próprias lideranças do PMDB, a exemplo dos senadores José Maranhão e Raimundo Lira, além de deputados federais e estaduais do partido e outros líderes peemedebistas; do Governador Ricardo Coutinho, do presidente estadual do PSB, Edivaldo Rosas, do presidente municipal do PSB, Fábio Maia; dos vereadores oposicionistas na Câmara de Campina, além do presidente da Assembleia Legislativa, Adriano Galdino.

Também destacou as manifestações que tem recebido de todos os partidos que estão juntos no projeto de oposição em Campina Grande, a exemplo do PT do B (Inácio Falcão), do PRTB (Alcides da Weider), do PSL (Tião Gomes e Álvaro Neto), do PRP (Maria da Luz), do PDT (Damião e Lígia Feliciano), além de outras lideranças de legendas que também estão no projeto, a exemplo do PROS e do PTN, de deputados estaduais e vereadores em Campina

“Não posso negar que fiquei sensibilizado com o gesto de confiança de todo o grupo, numa demonstração de extrema união, um grupo que garantiu a vitória do govenador Ricardo Coutinho, com a ampliação do resultado eleitoral no segundo turno da eleição do ano passado. Isso enche-nos de estímulo para essa nova jornada em nossa vida política”, declarou Veneziano.

Ele destacou que terá a oportunidade de rememorar os avanços importantes que Campina Grande vivenciou nos oito anos em que esteve à frente dos destinos da cidade e mostrará a oportunidade que Campina Grande terá de retomar o seu crescimento. “Ao nosso lado teremos esse apoio fundamental, que é o histórico de trabalho que temos por Campina, na expectativa e na esperança de construir um projeto para fazer com que Campina Grande volte a ter dias melhores”, finalizou Veneziano, já na condição de pré-candidato do PMDB à Prefeitura de Campina Grande em 2016.