Vital garante criar Agência de Defesa Agropecuária

O candidato ao governo pela Coligação Renovação de Verdade, Vital do Rêgo (PMDB), firmou compromisso com a criação da Agência de Defesa Agropecuária em seu Plano de Estado. A inclusão deste objetivo em sua carta-programa foi referendada em reunião com o Sindicato dos Servidores da Defesa Agropecuária do Estado da Paraíba. Também nesta terça-feira (09) Dia do Veterinário, Vital assegurou sua bandeira de luta caso eleito de implementar na sua administração políticas públicas para o meio ambiente e o bem-estar animal compatíveis com os princípios de proteção animal.

Na oportunidade, os representes do Sindicato dos Servidores da Defesa Agropecuária do Estado da Paraíba entregaram uma pauta de reivindicações da categoria, entre as quais, o Projeto de Lei que reestrutura a defesa agropecuária da Paraíba, de forma a permitir uma maior eficiência na proteção dos interesses dos consumidores e na promoção do desenvolvimento do agronegócio em nosso estado.

Vital do Rêgo afirmou que atualmente o setor agropecuário encontra entraves na Paraíba e precisa de parcerias para aumentar sua competitividade. Segundo ele, a atividade é um dos mais importantes instrumentos que a Paraíba dispõe para acelerar o seu crescimento. O peemedebista acrescentou que sempre defendeu a atividade e entende que para aumentar a competitividade é preciso um choque de infraestrutura, sobretudo com a modernização do Porto de Cabedelo e a construção do Porto de Águas Profundas.

Vital também lembrou que a paz no campo é uma das suas preocupações e que ela é essencial para que o Brasil possa produzir cada vez mais, aumentando a produtividade. Entre os objetivos do setor agropecuário na Paraíba estão a manutenção da Paraíba como zona livre de febre aftosa. Outros desafios são a defesa sanitária animal e vegetal, garantindo a boa qualidade dos alimentos levados à mesa dos paraibanos.

A potencialização da avicultura na Paraíba também é compromisso de Vital, garantindo a sanidade das aves e prevenindo o consumidor paraibano de eventuais enfermidades. A fiscalização ao uso dos agrotóxicos para a produção rural na Paraíba também foi firmada pelo peemedebista.