Vital reafirma que Dilma tem compromisso em ajudar nordestino

O candidato ao Governo da Paraíba pela Coligação Renovação de Verdade, Vital do Rêgo, esteve no último final de semana visitando as obras do túnel Cuncas, em São José de Piranhas, um dos trechos da Transposição do Rio São Francisco. O acesso a água segundo o canidato, é fundamental para o Nordeste que já enfrentou períodos de longa estiagem. Para ele, a transposição do Rio São Francisco já é uma realidade. A obra segundo Vital, é crucial para alavancar o desenvolvimento da região.

Ao chegar no canteiro de obras, Vital garantiu que a transposição vai garantir a segurança hídrica necessária para o semiárido nordestino, contribuindo assim, para ajudar o homem do campo a conviver com a seca.

Vital que preside a Comissão Externa de Acompanhamento das Obras de Transposição de Águas do Rio São Francisco, revelou que a obra avançou nos últimos meses, e que tem o compromisso da presidente Dilma na celeridade da obra como em ajudar o nordestino a conviver com a seca. Ele destacou que o governo federal realizou uma série de obras para amenizar o drama da seca, sendo que a transposição será a obra do século que irá mudar de vez, a face rural do nordeste.  “Esse túnel como outros são marcas indeléveis desse governo” comentou.

Para Vital do Rêgo, que esteve recentemente junto com Dilma visitando trechos da obra a conclusão da mesma é perfeitamente possível e necessária e conta com o total apoio da petista no sentido de transformar em realidade um sonho que já dura mais de cem anos.

Até dezembro deste ano de 2014, segundo afirmou o ministro Francisco Teixeira, da Integração Nacional, o governo espera concluir 75% das obras da transposição, e a previsão é de que o projeto seja concluído até o final de 2015. Até agora foram executados 57% da obra, incluindo-se o túnel Cuncas II, da Meta 3N, que fica localizado em São José de Piranhas, com desemboque na zona rural de Cajazeiras, no Alto Sertão da Paraíba. O Cuncas II faz parte do antigo lote 14 do Projeto de Integração do São Francisco (PISF), e corresponde ao primeiro trecho de obra a ser inaugurado pela presidente Dilma.

Como presidente da comissão que acompanha as obras do “velho Chico”, Vital do Rêgo já realizou várias visitas ao canteiro de obras da transposição do Rio São Francisco. A primeira visita da comissão ocorreu nos dias 7 e 8 de março de 2013, no eixo norte da obra. A segunda visita ocorreu no dia 19 de abril ano eixo leste da obra, nas cidades de Floresta e Sertânia, em Pernambuco, e Monteiro, na Paraíba. Em agosto do ano passado, Vital e os senadores, ministros voltaram a cidade de Monteiro para vistoriar as obras no eixo leste. A mais recente se deu neste final de semana, onde o pemedebista assegurou que acompanha de perto o andamento das obras cobrando a celeridade desta importante obra para o NE brasileiro.

 

Vital do Rêgo lembrou que apesar de complexa, a transposição vai beneficiar 12 milhões de pessoas, distribuídos na Paraíba, Pernambuco, Alagoas e Ceará. “A Paraíba vai ganhar muito com essa obra” comentou.