Azevêdo promove 138 oficiais dos Bombeiros
3 de julho de 2024
Redação

O governador João Azevêdo presidiu, na tarde desta terça-feira (2), a solenidade de promoção de 138 oficiais do Corpo de Bombeiros Militar da Paraíba — a maior da história da Instituição, que tem 107 anos de existência. A solenidade, realizada no Auditório do Centro Cultural Ariano Suassuna, no Tribunal de Contas do Estado (TCE), marcou as comemorações pelo Dia Nacional do Bombeiro Militar, transcorrido também nesta terça. Foram promovidos 11 tenentes-coronéis, 29 majores, 48 capitães e 50 primeiros-tenentes.

O governador João Azevêdo, que, durante a solenidade, recebeu diversas homenagens da Corporação, destacou os investimentos que as forças de segurança têm recebido do Governo da Paraíba, o que tem permitido com que cada vez mais se aproximem da população paraibana. “O dia de hoje representa a constante valorização que o nosso Governo tem dado a quem cuida da segurança da população paraibana. E esse trabalho de valorizar o Corpo de Bombeiros exigiu alteração de Legislação, para que pudéssemos desbloquear cargos e patentes dentro do Corpo de Bombeiros, essa instituição que é extremamente respeitada pela população. Isso tornou possível essa promoção — são 138 promoções no dia de hoje. Mas essa ação continuará, até porque desde o início da gestão já são mais de 1.700 promoções dentro do Corpo de Bombeiros, estamos fazendo concurso público para mais de 200 bombeiros. Um trabalho que o Estado tem feito para estruturar todas as forças de segurança, e o Corpo de Bombeiros não fica fora desse processo”, observou, destacando outras ações,  como a construção do Centro de Treinamento,  que será entregue em breve.

A mais recente conquista do Corpo de Bombeiros Militar da Paraíba foi a aprovação da Lei Orgânica Básica da Corporação, de autoria do Poder Executivo, pela Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB). A iniciativa teve, entre outras finalidades, a expansão da Corporação e o aumento das demandas relacionadas à estratégia, à tática e à operacionalidade para atender o que prevê a Política de Segurança Pública da Paraíba, intensificando a interiorização e garantindo atendimento à população de todo o Estado.

Para o secretário de Estado da Segurança Pública e Defesa Social, Jean Francisco Nunes, a promoção histórica do Corpo de Bombeiros da Paraíba beneficia todas as forças de segurança, contemplando toda a população. “Esse é um grande ato, a maior promoção da história do Corpo de Bombeiros depois de uma Lei de Organização Básica aprovada. À medida em que o governador João Azevêdo traz melhorias para qualquer das forças de segurança, como é o  Corpo de Bomebeiros agora, como já fez com a Polícia Militar, como está fazendo com a Polícia Civil, Detran, Administração Penitenciária — cada um desses que é beneficiado com valorização profissional, com essas melhorias, se tem um ganho em todo o sistema de Segurança Pública. Cada profissional desse passa a ser um grande vetor de transformação, se dedicando e empenhado na Segurança Pública do nosso estado”, ressaltou, observando a importância dessas iniciativas para a expansão das forças de segurança em todo o Estado.

O comandante-geral do Corpo de Bombeiros Militar da Paraíba, coronel Marcelo Araújo, também destacou o caráter histórico da promoção. “O Governo do Estado, numa iniciativa inédita, está promovendo a maior quantidade de oficiais da história da Instituição — ao todo, são 138 oficiais. E isso é o resultado da atitude do governador João Azevêdo, possibilitando a aprovação da nossa Lei Orgânica há cerca de 40 dias. Essa aprovação foi fundamental para mudar a estrutura organizacional do Corpo de Bombeiros, abrindo a possibilidade do surgimento dessas vagas no dia de hoje, em que celebramos também o Dia Nacional do Bombeiro Militar”, comentou.

Antônio Rocha, comandante do 7° Batalhão do Corpo de Bombeiros, em Campina Grande, foi promovido de major a tenente-coronel. Falando em nome dos promovidos, ele também destacou os avanços da Corporação nos últimos cinco anos. “Hoje temos mais de 130 promovidos, um marco na história da nossa instituição. Temos ainda o processo de descentralização administrativa, que elevou para mais de 20 o número de unidades operacionais espalhadas em todo o Estado, cerca de R$ 33 milhões em material e em equipamentos permanentes”, discursou, citando ainda as mais de 2,4 mil qualificações nesse período.

Na Corporação desde 2012, Anderson Lima foi promovido de primeiro-tenente a capitão. “Eu recebo essa promoção com muita honra, com muita felicidade — a gente vem de uma espera muito longa por essas promoções. Graças a Deus, com a aprovação dessa nova Lei Orgânica, muitas promoções estão sendo celebradas no dia de hoje. É como a gente sempre diz: uma vitória de cada vez”, comemorou.

As promoções contemplaram 11 tenentes-coronéis, 29 majores, 48 capitães e 50 primeiros-tenentes, numa solenidade prestigiada por familiares e amigos dos promovidos, assim como por diversas autoridades: coronel Sérgio Fonseca, comandante-geral da Policia Militar da Paraíba (PMPB); Ronildo de Sousa, subcomandante-geral da PMPB; Lucas Severiano, subcomandante-geral do CBMPB; e André Rabelo, delegado-geral da Polícia da Paraíba.

A solenidade foi prestigiada, ainda, pelo presidente do Tribunal de Justiça da Paraíba (TJ-PB), desembargador Saulo Benevides; pelo secretário-chefe do Governo do Estado, Roberto Paulino; pelo vice-prefeito de João Pessoa, Léo Bezerra; e pelo deputado estadual João Gonçalves, entre outras autoridades.

Compartilhe: