Com alta de 2,09%, gasolina para sequência de quedas

Em queda livre desde janeiro, o preço da gasolina comum no Brasil interrompeu a sequência de baixas na primeira quinzena de junho. O valor médio do litro do combustível no país nos primeiros 15 dias do mês ficou em R$ 4,093 (o preço médio registrado em maio foi de R$ 4,010).



Conforme levantamento da ValeCard, empresa especializada em soluções de gestão de frotas, Rio de Janeiro (R$ 4,557) e Amazonas (R$ 4,442) são os estados com o combustível mais caro no país. Já Paraná (R$ 3,706) e Amapá (R$ 3,757) apresentam com os preços mais baratos.

Obtidos por meio do registro das transações realizadas em maio com o cartão de abastecimento da ValeCard em cerca de 20 mil estabelecimentos credenciados, os dados mostram que Belém registra o valor mais alto (R$ 4,614). Por outro lado, o valor mais baixo encontra-se em Curitiba (R$ 3,547).

Na Paraíba, o preço médio do litro de gasolina na primeira quinzena de junho era R$ 3,935 por litro. Em maio, o preço era menor, ficando em 3,849. O aumento médio, comparando-se os dois valores, foi de  2,25%.

João Pessoa já figurou este ano, por mais de uma vez, como a capital do litro de gasolina mais barato, considerando-se o preço médio. Na primeira quinzena de junho o valor médio do produto ficou em R$ 3,754. E maio o litro desse combustível era vendido por 3,700

 

Preço médio por Estado (R$)



































































































































































































































































































































































Estado  Junho (1ªQ)  Maio  Variação (%)
RJ 4,557 4,482 1,67%
AM 4,442 4,387 1,25%
AC 4,436 4,395 0,94%
PA 4,329 4,307 0,53%
PI 4,317 4,085 5,68%
TO 4,28 4,157 2,94%
AL 4,217 4,148 1,67%
MG 4,216 4,139 1,86%
RO 4,212 4,119 2,27%
BA 4,151 3,97 4,55%
SE 4,134 4,083 1,24%
CE 4,108 4,016 2,29%
MA 4,088 4,052 0,89%
MT 4,068 3,964 2,61%
ES 4,067 3,994 1,81%
MS 4,062 4,001 1,52%
PE 4,027 3,929 2,49%
RN 3,967 3,85 3,05%
DF 3,964 3,735 6,15%
RS 3,958 3,898 1,54%
GO 3,935 3,862 1,88%
PB 3,935 3,849 2,25%
RR 3,88 3,87 0,26%
SP 3,857 3,786 1,88%
SC 3,84 3,699 3,82%
AP 3,757 3,923 -4,24%
PR 3,706 3,58 3,51%
Média 4,093 4,01 2,09%


Belém e Rio, as capitais com maiores preços

Entre as capitais, Curitiba (R$ 3,547) e João Pessoa (R$ 3,754) foram as que apresentam preços menores. Já Belém (R$ 4,614) e Rio de Janeiro (R$ 4,544) têm os valores mais altos.

 































































































































































































































































































Capital  Junho 1ªQ   Maio 
Belém                   4,614         4,581
Rio de Janeiro                   4,544         4,465
Manaus                   4,385         4,315
Porto Velho                   4,385         4,263
Rio Branco                   4,337         4,263
Teresina                   4,322         3,959
Palmas                   4,212         4,083
Aracaju                   4,144         4,099
São Luís                   4,124         4,145
Belo Horizonte                   4,092         4,058
Salvador                   4,055         3,729
Campo Grande                   4,017         3,970
Macapá                   3,990         3,923
Maceió                   3,987         3,932
Natal                   3,978         3,796
Fortaleza                   3,974         3,913
Florianópolis                   3,970         3,818
Brasília                   3,966         3,738
Recife                   3,956         3,834
Boa Vista                   3,924         3,871
Cuiabá                   3,909         3,782
São Paulo                   3,903         3,855
Vitória                   3,849         3,707
Goiânia                   3,849         3,779
Porto Alegre                   3,832         3,813
João Pessoa                   3,754         3,700
Curitiba                   3,547         3,426


Fonte: ValeCard