Famup lamenta morte de Lena Guimarães

































































A Federação das Associações de Municípios da Paraíba (Famup) lamenta o falecimento da jornalista Lena Guimarães, ocorrido nesta segunda-feira (18) vítima de falência múltipla de órgãos, em decorrência de um câncer no pâncreas.

Lena trilhou sua carreira dentro do jornalismo sempre pautada pela ética e pela vontade de promover transformações através do bem informar. Começou como repórter e ocupou os mais altos cargos dentro de redações.

Foi repórter, redatora e chefe de reportagem do Jornal A União, além de editora dos cadernos de Cultura, Cidades, Economia e Política no Correio da Paraíba. Ela também ocupou o cargo de diretora de jornalismo do Sistema Correio de Comunicação e de secretária de Comunicação do Estado. Foi ainda editora-geral do jornal O Momento e repórter regional da Folha de S. Paulo e do Jornal do Brasil.

O Estado fica mais triste com o falecimento de Lena Guimarães, referência do jornalismo paraibano. Essa mulher sertaneja cheia de determinação nos mostrou que com talento, trabalho e ética se chega muito longe.