Governadores negam aumento de ICMS sobre combustíveis

Vinte governadores assinaram uma carta negando ter aumentado o ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços), o que teria provocado alta no preço dos combustíveis. Entre os governadores está o da Paraíba, João Azevedo. Eles cobram do governo federal uma explicação sobre essa guerra de informações, destacando que, em um ano, o preço da gasolina registrou um aumento superior a 40%./

“Os governadores dos entes federados brasileiros signatários vêm a público esclarecer que, nos últimos 12 meses, o preço da gasolina registrou um aumento superior a 40%, embora nenhum estado tenha aumentado o ICMS incidente sobre os combustíveis ao longo desse período”, afirmam no documento divulgado pela Folha de São Paulo.

"Essa é a maior prova de que se trata de um problema nacional, e, não somente, de uma unidade federativa. Falar a verdade é o primeiro passo para resolver um problema”, seguem.