Hospital Geral de Mamanguape conquista habilitação do sistema de gestão do SUS
29 de dezembro de 2023
Redação

O Hospital Geral de Mamanguape (HGM), pertencente à rede estadual de saúde, é a terceira unidade hospitalar da Paraíba a ser habilitada no Sistema de Apuração e Gestão de Custos do SUS (ApuraSUS), que permite que a Secretaria de Estado da Saúde (SES), bem como o Ministério da Saúde, tenha uma visão completa dos custos das unidades hospitalares, garantindo uma boa gestão dos recursos públicos e melhor gestão dos serviços de saúde.

No futuro, todos os 34 hospitais e quatro UPAs que compõem a rede estadual passarão pelo credenciamento para utilizar o sistema. As próximas unidades a serem habilitadas serão o Hospital de Trauma de Campina Grande, o Hospital de Itapororoca, além do Hospital e da UPA de Cajazeiras.

A ferramenta contribuirá significativamente para o processo de apuração das despesas das unidades, processo essencial para a sustentabilidade dos serviços, visando garantir uma boa gestão dos recursos públicos, possibilitando aos gestores a tomada de decisão para o uso eficiente e eficaz dos recursos. Todos os 34 hospitais e quatro UPAs que compõem a rede estadual passarão pelo processo de credenciamento para utilizar o sistema do ApuraSUS.

O gerente de Economia da Saúde da SES, Guilherme Barbosa, informou que esse é um marco do Governo do Estado, já que demonstra o compromisso com a melhor gestão dos recursos da saúde, resultando numa capacidade de planejamento financeiro mais adequado e preciso para atender a necessidade da população ao dar condições de identificar desperdícios, gastos excessivos em determinadas áreas e direcioná-los para áreas com maior demanda da população.

“O Hospital de Mamanguape dedicou seus esforços para essa importante habilitação e se tornou o terceiro hospital do Estado da Paraíba a ser habilitado para o uso do ApuraSUS. A equipe venceu diversas etapas difíceis e complicadas na obtenção e registro dos dados de custo do hospital. Logo, a população sentirá os efeitos de uma aplicação ainda mais eficiente dos recursos na saúde”, explicou.

De acordo com a diretora-geral do Hospital Geral de Mamanguape, Yasmilla Ribeiro, a certificação contribui tanto para uma melhor gestão dos serviços de saúde, quanto para uma boa condução dos recursos públicos. “A conclusão da habilitação do ApuraSUS reflete diretamente o nosso compromisso com a transparência na gestão de custos da unidade. A equipe não mediu esforços ao se dedicar integralmente para garantir a padronização e estruturação do sistema. Agora, com essa ferramenta, estamos preparados para decisões mais embasadas e uma gestão financeira estratégica, o que impactará positivamente na qualidade dos serviços oferecidos por nossa unidade”, ressaltou.

O Sistema de Apuração e Gestão de Custos do Sistema Único de Saúde (ApuraSUS) é um sistema de informação desenvolvido pelo Ministério da Saúde para auxiliar no processo de apuração e gestão de custos em distintas unidades de saúde do SUS, de forma padronizada e estruturada. Trata-se de um sistema web, de livre acesso, tendo como grande diferencial a capacidade de permitir a sua personalização, de forma a se adaptar às características das unidades de saúde de diferentes perfis em termos de tamanho, estrutura e serviços produzidos na atenção e cuidado à saúde.

Compartilhe: