Morre o conselheiro emérito do TCE-PB, Flávio Sátiro
14 de abril de 2023
Redação

O conselheiro emérito do Tribunal de Contas da Paraíba Flávio Sátiro Fernandes faleceu, aos 81 anos de idade, na manhã desta sexta-feira (14/04), no Hospital Memorial São Francisco, onde estava internado.
O TCE teve sua bandeira erguida a meio-mastro, tão logo a penosa notícia chegou ao conhecimento do consternado quadro de servidores e dirigentes.
Em nota na qual lamenta esse fato, o conselheiro Nominando Diniz, expressou o sentimento de uma das mais dolorosas perdas já sofridas pelo Tribunal que, atualmente, preside.
“Ele deixa a marca da retidão e o benefício de suas muitas e profícuas ações não apenas a esta Corte de Contas, mas, também, aos meios jurídicos, educacionais, culturais e, enfim, à sociedade paraibana à qual serviu, empenhadamente, por sucessivas décadas”, disse o conselheiro Nominando Diniz do amigo. O local do velório e a hora de sepultamento do conselheiro Flávio Sátiro ainda não foram informados pela família.

Nota de pesar da Câmara de João Pessoa pelo falecimento do conselheiro emérito do Tribunal de Contas do Estado, Flávio Sátiro

Foi com grande tristeza que recebemos nesta sexta-feira (14) a notícia do falecimento do conselheiro emérito do Tribunal de Contas do Estado, Flávio Sátiro, de 81 anos. Dono de um currículo invejável, ele deixa para todos nós um legado de correção e inovação tanto na literatura, quanto no mundo jurídico e na fiscalização das contas públicas. Enquanto conselheiro do TCE, ele atuou para aperfeiçoar a administração pública paraibana.
Nascido em Patos, Flávio Sátiro comandou o Tribunal de Contas em três oportunidades e teve a gestão marcada pela inovação. Ele criou a Escola de Contas Conselheiro Otacílio Silveira e o Sistema de Acompanhamento da Gestão dos Recursos da Sociedade (Sagres).
Dono de uma formação acadêmica admirável, Flávio Sátiro orgulhava a todos os paraibanos pelo exemplo que sempre buscou dar. Nesse momento de dor profunda, manifestamos nossos sentimentos à família e aos muitos amigos pela perda irreparável.
Mesa Diretora da Câmara Municipal de João Pessoa

Compartilhe: