Parceria traz economia de R$ 1,5 milhão/ano na iluminação pública



Doze prefeituras paraibanas iniciarão 2022 com a previsão de redução de cerca de 2.400 MWh/ano na iluminação pública, o que significa uma economia de R$ 1,5 milhão/ano. Esse volume é equivalente ao consumo de cerca de 1000 residências/mês (com consumo médio de 200 kWh). A redução é resultado da parceria com a Energisa Paraíba e Energisa Borborema, que investiram mais de R$ 4 milhões na renovação das luminárias dos municípios, por meio do Projeto de Eficiência Energética (PEE) da concessionária, regulado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

Para renovar a iluminação pública das cidades, a Energisa trocou lâmpadas não eficientes por luminárias de LED, que são mais duráveis e econômicas. Ao todo, foram substituídas mais de 2.700 lâmpadas de ruas, praças e avenidas de Alagoa Grande, Araruna, Camalaú, Dona Inês, Malta, Mari, Monteiro, Patos, Guarabira, Pocinhos, Esperança e Boa Vista. “Buscamos desenvolver projetos que gerem o maior impacto positivo para a sociedade como um todo”, resume Carla Petrucci, especialista em Eficiência Energética.



Além da economia de energia, a substituição de lâmpadas antigas por modelos em LED proporciona mais segurança, porque a tecnologia possibilita uma melhor iluminação para os espaços públicos, gerando também mais conforto e bem-estar à população desses municípios. “Todos esses benefícios estão alinhados à sustentabilidade, um pilar importante dentro do nosso negócio e que pauta as ações da área de Eficiência Energética”, reforça o diretor-presidente da Energisa na Paraíba, Marcio Zidan.

Embora a iluminação pública seja de responsabilidade das prefeituras, a Energisa investe na modernização das luminárias com o objetivo de promover e incentivar o consumo consciente e economia de energia. Assim, por meio do PEE, a concessionária acaba contribuindo com a otimização dos recursos de iluminação pública, arrecadado por meio da conta de energia dos clientes e repassado aos municípios.