Pedro exalta pioneirismo de Lena Guimarães













































































































O deputado federal Pedro Cunha Lima (PSDB) lamentou o falecimento da jornalista Lena Guimarães, nesta segunda-feira (18). Pedro enalteceu a trajetória da jornalista que desbravou caminhos ocupados até então por homens em nosso Estado. Para ele, Lena deixa um legado na imprensa do Estado de profissionalismo e coragem.

“Lena é uma referência no jornalismo, por sua bravura, técnica e por ter sido pioneira entre as mulheres em funções de liderança, como conduzir o veículo de Comunicação mais influente do Estado, à época, o Jornal Correio da Paraíba. Sem dúvida, deixará um grande legado, ela desbravou caminhos. Lamento seu falecimento e me solidarizo com seus familiares e amigos”, comentou.

A jornalista tinha 62 anos e estava internada em um hospital particular da cidade. Ela foi vítima de falência múltipla de órgãos, em decorrência de um câncer no pâncreas.

Trajetória – Lena Guimarães era colunista política do jornal Correio da Paraíba e comentarista nos programas Correio Debate e Jornal da Correio. Ela já foi repórter, redatora e chefe de reportagem do Jornal A União e também editora dos cadernos de Cultura, Cidades, Economia e Política no Correio da Paraíba, editora-geral do jornal O Momento e repórter regional da Folha de S. Paulo e do Jornal do Brasil. Exerceu o cargo de secretária Estadual de Comunicação no período de 2009-2010.