PF deflagra mais uma fase de operação contra compra de votos
4 de abril de 2023
Redação

A Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira (4) a “Operação Fantasia” com o objetivo de combater esquema de fraude processual. Segundo informações divulgadas pela PF as ações já culminaram com outras duas operações que investigam compra de votos nas eleições de 2022. Também está sendo investigado transporte ilegal de eleitores na região do Sertão paraibano.
A operação ‘Mercador’, além de dinheiro em espécie, foi apreendido material de campanha na véspera do 1º turno das eleições do ano passado.
A apreensão se deu após colisão de um veículo com uma motocicleta, no município de Santa Luzia, em 23 de setembro do ano passado. Durante a abordagem pela Polícia Militar e pela Polícia Rodoviária Federal houve tentativa de ocultação do montante em espécie pelo motorista do carro.
Foram cumpridos 5 mandados de busca e apreensão, sendo quatro na cidade de João Pessoa e um em Patos.
Os crimes investigados são os previstos nos artigos 299 e 347 do Código Penal, cujas penas somadas podem chegar até 8 anos de reclusão e multa.
Trata-se de mais um desdobramento da Operação Mercador 1, deflagrada em 14 de outubro de 2022, onde foi apreendido mais de R$ 173 mil na véspera do primeiro turno das eleições, após a colisão de um veículo com uma motocicleta.
Outros desdobramentos da Operação Mercador foram as Operações “Talir” e “Transporte Limpo”

Compartilhe: