Prefeito de São Mamede é preso na Operação da PF e Gaeco

O prefeito de São Mamede, Dr Jefferson, é um dos alvos dos mandados de prisão da operação "Festa no Terreiro 2", realizada pela Polícia Federal e pelo Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público da Paraíba (MPPB).

A Polícia Federal com a colaboração do GAECO/MP/PB, deflagrou na manhã de hoje, 15/8, a “Operação Festa no Terreiro 2” com o objetivo de combater esquema de direcionamento de licitações, desvios de recursos públicos, corrupção e lavagem de dinheiro. O prefeito de São Mamede, Dr. Jefferson, foi preso na operação.

Foram cumpridos 6 mandados de busca e apreensão, sendo 5 no município de Patos/PB e 1 no município de São Mamede/PB, além de 4 mandados de prisão preventiva. Também foi determinado o afastamento de dois servidores de seus cargos públicos e o sequestro de bens no valor equivalente a R$ 5.187.359,94 (cinco milhões, cento e oitenta e sete mil, trezentos e cinquenta e nove reais e noventa e quatro centavos). Todas as medidas judiciais foram determinadas pelo desembargador Márcio Murilo da Cunha Ramos do Tribunal de Justiça da Paraíba.

Durante a primeira fase da 'Festa no Terreiro', em março deste ano, o prefeito de São Mamede já havia sido alvo da Polícia Federal.

Gravações, realizadas pela PF e pelo Gaeco teriam captado a ação do gestor. Após ser alvo de mandados de busca e apreensão pela Polícia Federal naquela época, Dr Jefferson revelou surpresa com a ação e negou possíveis irregularidades em seu patrimônio.