Queijo e manteiga: paraibanos são premiados em concurso na Bahia

Os produtores paraibanos Joaquim Dantas Vilar (Fazenda Carnaúba) e Fransueide Queiroz de Medeiros Torres (Casa do Cariri), que estavam na caravana realizada pelo Sebrae/PB, foram premiados, no último sábado (16), no Concurso Nordestino de Queijos e Derivados promovido durante o Encontro Nordestino do Setor de Leite e Derivados (Enel), em Vitória da Conquista (BA). Dois queijos produzidos na Fazenda Carnaúba, o Serra do Pico e o Arupiara, ganharam a mais alta premiação do concurso, a Medalha Super Ouro.

O queijo Serra do Pico é feito com leite das vacas guzerá e sindi e é curado por, no mínimo, 150 dias, possuindo um sabor bastante característico. Por sua vez, o queijo Arupiara é feito com leite de cabras nativas e sem condimentos. O produtor foi premiado, também, com as medalhas Prata (queijos Cariri e Dom Manelito) e Bronze (queijo Borborema alho e cebola).

Por sua vez, os produtos da Casa do Cariri premiados no concurso foram a manteiga da terra de leite de cabra (Medalha de Ouro), queijo de leite de cabra natural (Medalha de Prata) e queijo de cabra defumado (Medalha de Bronze). O analista técnico do Sebrae/PB, João Bosco da Silva, explicou que o objetivo do concurso é valorizar o produtor e os queijos produzidos no Nordeste.

“Existe um edital com regras para o produtor participar e eles recebem uma devolutiva sobre o queijo, mesmo se não for premiado. Caso eles recebam a medalha bronze, prata ou ouro, também recebem uma explicação por estarem naquele nível. Então, os produtores gostam de ter esse feedback e participam do concurso. A Paraíba se destacou bastante, com oito prêmios nesta edição. Essa é uma maneira de deixar o produto em evidência e o produtor pode usar a premiação em seu benefício”, afirmou.

O concurso reuniu produtores de queijos e produtos lácteos de toda a região e os produtos foram avaliados por um júri técnico, que levou em consideração itens como aspecto exterior, aspecto interior e textura, aromas e sabores.

Sebrae 50+50 - Em 2022, o Sebrae celebra 50 anos de existência, com atividades em torno do tema “Criar o futuro é fazer história”. Denominado Projeto Sebrae 50+50, a iniciativa enfatiza os três pilares de atuação da instituição: promover a cultura empreendedora, aprimorar a gestão empresarial e desenvolver um ambiente de negócios saudável e inovador para os pequenos negócios no Brasil. Passado, presente e futuro estão em foco, mostrando a evolução desde a fundação em 1972 até os dias de hoje, com um olhar também para os novos desafios que virão para o empreendedorismo no país.