Ramalho Leite é homenageado com cidadania pessoense
4 de outubro de 2023
Redação

Em homenagem ao ex-deputado e novo presidente da Academia Paraibana de Letras (APL), Severino Ramalho Leite, a Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP) realizou uma sessão solene, na manhã desta quarta-feira (4), para entrega de Título de Cidadão Pessoense. A solenidade contou com a presença de familiares amigos e autoridades.

Autor da propositura, o vereador Milanez Neto (PV) falou sobre o homenageado: “Uma vida pautada na decência. De vereador a deputado federal, nunca alterou o caráter, nunca se curvou ou se dobrou ao poder, o pior mal que acomete as pessoas. Por onde passou , a marca sempre foi trabalho, lealdade, compromisso e serviço. Seu comprometimento e paixão em tornar este lugar melhor para todos é uma honra. Ele é um exemplo vivo do que significa ser cidadão. Hoje o que João Pessoa faz a Severino Ramalho Leite não é nada mais do que agradecer, retribuir. Daqui a dois dias, Ramalho estará completando 80 anos de idade. Nada melhor que a cidade à qual ele tanto se dedica oferecer esse reconhecimento”, acrescentou.

Também presente na ocasião, Leo Bezerra (PSB), prefeito em exercício de João Pessoa , também comentou: “Trago o abraço do prefeito Cícero Lucena (PP) e digo que as portas da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) estarão sempre abertas para Ramalho Leite, que sabe o que é viver na vida pública e parabenizo o vereador Milanez. A prefeitura está sempre de portas abertas a quem quer fazer o bem a essa cidade”. Bezerra ainda ressaltou: “Tanto na situação quanto na oposição, ele tinha uma posição firme sem desrespeitar ninguém. Fazer politica é bom, é bom criticar, mas com responsabilidade. Ramalho tem história nessa cidade, tem um legado que não pode e jamais será esquecido”.

Em seguida, Ramalho Leite falou de sua emoção em receber a honraria: “Nesta manhã, vivo uma emoção singular. Sou e sempre serei um pessoense pelo amor que devoto a essa cidade, berço de todos os meus filhos e netos. As dificuldades serviram de alicerces. Os obstáculos não me intimidaram, foram feitos para serem vencidos. Meus filhos foram o patrimônio que primeiro construí. Dois deles foram levados cedo, invertendo a ordem natural das coisas. Vivi vitórias e derrotas. Palmilhei o sofrimento e não guardei mágoas ou ressentimento. Se na família sempre colhi bons frutos, na vida pública, além do sucesso, pude conhecer a fraqueza humana, da ingratidão à traição. Da desilusão, nascia uma nova esperança. Na convivência com os contrários, trilhei o caminho da paz. O poder só me serviu para beneficiar os que mais necessitavam”.

Sobre o homenageado

Deputado Federal, jornalista, secretário de Estado e presidente da Academia Paraibana de Letras (APL) são apenas alguns dos cargos assumidos por Severino Ramalho Leite ao longo de sua vida. Natural de Bananeiras – PB, o homenageado relatou ter vindo para a Capital paraibana por volta de 1960 para estudar, e permaneceu desde então. Nesta sexta-feira (6), Severino completará 80 anos, e, sobre seus anos de vida, afirmou: “Tive mais do que pedi e recebi mais do que merecia”.

Compartilhe: