Relatório que institui Grupo Parlamentar Brasil-Geórgia é aprovado

O senador Raimundo Lira (PMDB-PB) assumiu a relatoria ‘ad hoc’ do Projeto de Resolução do Senado N° 36, de 2015, de autoria do senador Aloysio Nunes Ferreira, que instituiu o Grupo Parlamentar Brasil-Geórgia. Para Lira, o projeto, aprovado na Comissão de Relações Exteriores (CRE), da qual é membro, lhe trouxe entusiasmo, quanto ao desenvolvimento de ações estratégicas em curso no setor.

Segundo o relator da proposta, a ideia é contribuir para o estreitamento das relações entre as duas nações, ao possibilitar o conhecimento mútuo e dos respectivos parlamentos e o aprendizado sobre os diferentes problemas enfrentados pelos países, assim como as soluções encontradas.

Ele lembrou que o Brasil reconheceu a independência da Geórgia em 1990 e, dez anos mais tarde, houve a abertura recíproca das embaixadas. Com o grupo parlamentar, a ideia é aumentar a aproximação.

Apesar da compressão orçamentária imposta pela atual crise econômica, o comandante da Marinha, Almirante-de-Esquadra Eduardo Bacellar Leal Ferreira, alertou na audiência que qualquer ameaça à soberania brasileira viria necessariamente pelo mar. Daí a grande preocupação, conforme revelou, de manter o Atlântico Sul livre de conflitos. A estratégia para alcançar este objetivo estaria focada, assim, no combate ao tráfico de drogas, armas e pessoas (imigração ilegal via navio mercante) e na defesa das bacias petrolíferas, inclusive as do pré-sal.

“A Marinha sentiu (o corte). Saiu de um orçamento de R$ 5,2 bilhões para R$ 3,9 bilhões. O primeiro passo é estabelecer prioridades claras, que são o programa nuclear e de construção de submarinos, além da manutenção de nossa esquadra operando”, comentou Bacellar.

A preocupação do comandante da Marinha com o impacto da crise orçamentária sobre os projetos estratégicos da pasta foi compartilhada pelo senador Raimundo Lira, que se manifestou durante o debate. “Eu fico muito honrado de ser o relator desse projeto, pois essas considerações a respeito da Geórgia são interessantes e históricas e engrandecem o Congresso Nacional, pois tem a finalidade de incentivar as relações bilaterais entre seus legislativos”, afirmou Lira.

Confiram o depoimento completo do senador paraibano na sua Fanpage (https://www.facebook.com/SenadorRaimundoLira).