VÍDEO: Cabo Gilberto, Walber e Nilvan vão boicotar encontro do PL Mulher
11 de julho de 2023
Redação

Cabo Gilberto, Walber Virgolino e Nilvan Ferreira não vão ao evento de filiação que será promovido pelo PL Mulher, no próximo sábado (15), em Cabedelo. O evento terá a presença da ex primeira-dama Michelle Bolsonaro e deve servir também para referendar a pré-candidatura do ex-ministro da Saúde, Marcelo Queiroga como pré-candidato a prefeito de João Pessoa.
A confirmação do boicote ao evento foi feita pelo próprio deputado federal Cabo Gilberto, presidente do diretório municipal do Partido Liberal em João Pessoa, ontem, em entrevista ao programa Correio debate, da TV CORREIO.
Na entrevista, o deputado considerou que são “as três maiores lideranças política do PL no Estado” e que não irão compactuar com o apoio ao nome de Marcelo Queiroga, que seria uma pré-candidatura “empurrada goela abaixo”.
Lembrado que, assim como os demais partidos o PL tem uma hierarquia e eles podem sofrer retaliações das direções estadual e nacional, Cabo Gilberto disse que o trio sabe das consequências do ato e que estão dispostos a seguir unidos.
Em Cabedelo, o Partido Liberal, que tinha como pré-candidato o deputado estadual Walber Virolino, teve o diretório municipal destituído pela direção estadual, comandada pelo deputado federal Wellington Roberto, e passou a apoiar o grupo do atual prefeito, Victor Hugo.
O prefeito, em segundo mandato, não pode disputar no próximo ano e ainda não definiu quem será o nome nas eleições municipais.
Cabo Gilberto reafirmou que não é sua intenção deixar o PL, mas disse que vai defender a realização de pesquisas internas para avaliar quem está melhor posicionado em João Pessoa, no campo das oposições. Ele voltou a responsabilizar Wellington Roberto pela derrota da candidatura de Bolsonaro na Paraíba, afirmando que o deputado federal só defendeu o seu filho e sua própria candidatura.

Compartilhe: