Wi-Fi Brasil: 8,6 mil pontos ativos entregam internet banda larga no NE
1 de julho de 2022
Redação

O programa Wi-Fi Brasil cruzou a marca dos 17 mil pontos de inclusão digital instalados no país, todos eles levando conexão à internet, gratuita e com alta velocidade, para as famílias que mais precisam. Mais da metade das antenas instaladas pelo programa estão no Nordeste, região com o menor índice de domicílios com acesso à rede. São 8.605 antenas ativas, a maioria na área rural (80%). O Ministério das Comunicações (MCom), responsável pela execução, alcançou a marca neste mês de junho.
De todas as cidades nordestinas, 81,4% (1.460) tem Wi-Fi Brasil. Em dois estados, em particular, o programa está em mais de 90% do território. Em Alagoas, 100 dos 102 municípios (98%) contam com acesso à internet por satélite e via terrestre. Situação semelhante ao Maranhão, que tem 207 (95%) pontos ativos. Juntos, os dois estados dispõem de mais de 2,8 mil antenas. Os locais com acessos instalados recebem conexão com velocidades que alcançam 10, 15 ou 20 megabites por segundo (Mbps).
“O programa é voltado, principalmente, para localidades onde há situação de vulnerabilidade social”, explica o ministro das Comunicações, Fábio Faria. “Levar internet para um povoado ou comunidade com pouca ou nenhuma conexão, é também levar um serviço essencial para a população”, defende.

A ativação do Wi-Fi Brasil nas localidades permite que moradores se conectem com mais pessoas, naveguem por uma rede sem limites de conhecimentos e explorem ferramentas digitais disponíveis na palma da mão. “Para as escolas que não tinham internet, a gente assinou em abril um contrato para conectar 12 mil. Vamos entregar 100% das escolas conectadas”, afirma Faria. No Nordeste, 6.803 escolas têm acesso à internet garantido.
A Bahia é o estado com maior número de escolas conectadas no Nordeste. São, até o momento, 1.877 unidades de rede pública de ensino com internet. Para os baianos já foram destinados, ao todo, 2.244 pontos, 80% deles em localidades rurais. E, a partir do momento em que o MCom ativa o ponto de inclusão digital em uma comunidade, as pessoas passam a contar com acesso à internet gratuito e ilimitado. Veja no quadro abaixo quantos pontos do Wi-Fi Brasil estão instalados em cada estado da região.
INTERNET BANDA LARGA — O programa federal instala antenas e roteadores em locais específicos, como escolas, assentamentos rurais, Unidades Básicas de Saúde (UBS), comunidades tradicionais e telecentros comunitários. Cada região, por conta de suas características específicas, pode ter mais ou menos pontos de inclusão em locais diferenciados, como postos de fronteiras ou centros de Referência da Assistência Social (CRAS). As antenas recebem o sinal enviado pelo Satélite Geoestacionário de Defesa e Comunicações Estratégicas (SGDC), equipamento brasileiro que fica na órbita da Terra a 36 mil quilômetros de distância

QUADRO QUADRO DE PONTOS INSTALADOS DO WI-FI BRASIL – NORDESTE

Estado Municípios Atendidos Área Rural Área Urbana Escolas Total
Alagoas 100 679 290 475 969
Bahia 359 1.789 455 1.877 2.244
Ceará 165 953 111 947 1.064
Maranhão 207 1.498 343 1.580 1.841
Paraíba 127 259 77 277 336
Pernambuco 158 552 94 556 646
Piauí 156 392 128 451 520
Rio Grande do Norte 123 514 157 414 671
Sergipe 65 223 87 226 310
TOTAL 1.460 6.859 1.742 6.803 8.601

_

Compartilhe: